• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2019.tde-03012019-161729
Documento
Autor
Nome completo
Camila Serra Colepicolo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2018
Orientador
Banca examinadora
Bento, Jose Mauricio Simoes (Presidente)
Raga, Adalton
Lourenção, André Luiz
Parra, José Roberto Postali
Título em português
Comportamento sexual e isolamento do feromônio da traça-da-banana, Opogona sacchari (Bojer) (Lepidoptera: Tineidae)
Palavras-chave em português
Armadilhas
Banana
Comportamento reprodutivo
Cromatografia gasosa
Ecologia química
Monitoramento
Resumo em português
Opogona sacchari (Bojer, 1856) (Lepidoptera: Tineidae) é uma praga cosmopolita conhecida popularmente como traça-da-banana. Este trabalho visou conhecer as principais etapas do comportamento sexual de O. sacchari, e isolar quimicamente os compostos de seu feromônio sexual. Para caracterizar as atividades do comportamento sexual, 80 casais recém-emergidos foram observados e dados sobre o horário de início e fim, duração, idade do primeiro acasalamento e número de cópulas foram registrados. O extrato natural do feromônio sexual foi obtido por (i) aeração das fêmeas virgens, e (ii) extração das glândulas das fêmeas virgens. Os extratos naturais foram analisados por GC/EAG utilizando as antenas dos machos para avaliar as atividades eletrofisiológicas; os extratos foram também analisados em GC/MS. As cópulas ocorreram a partir da sexta hora da escotofase, com duração de aproximadamente 2 horas. Os adultos acasalaram com até 72 h de idade, com o pico das atividades com 24 horas após a emergência. As antenas dos machos apresentaram três respostas eletroantenográficas (picos) ao extrato do feromônio natural de fêmeas virgens. O composto "C1" foi selecionado como candidato ao feromônio sexual de O. sacchari. Quatro isômeros do composto candidato ao feromônio sexual promoveram respostas eletrofisiológicas nas antenas dos machos, idênticas ao extrato natural das fêmeas. Novas etapas envolvendo testes de campo deverão ser realizadas a fim de definir os compostos ativos deste feromônio e em quais proporções serão mais eficientes na atração dos machos.
Título em inglês
Sexual behavior and isolation of the pheromone of the banana moth, Opogona sacchari (Bojer) (Lepidoptera: Tineidae)
Palavras-chave em inglês
Banana
Chemical ecology
Gas chromatography
Monitoring
Reproductive behavior
Trap
Resumo em inglês
Opogona sacchari (Bojer, 1856) (Lepidoptera: Tineidae) is a cosmopolitan crop pest, commonly known as banana moth. The goals of this study were to investigate the stages of sexual behavior for O. sacchari and to isolate their sex pheromone. In order to characterize the sexual behavior, 80 newly emerged sexual pairs were observed and data on their age, duration and frequency of mating's were recorded. The natural sex pheromone was extracted by (i) headspace collection of virgin females, and (ii) gland extraction of virgin females. Extracts were analyzed by GC/EAD using male antennae to monitor electrophysiological activity; extracts were also analyzed by GC/MS. Copulation occurs from the sixth hour of the scotophase and lasts approximately 2 hours. Adults mate for up to 72 hours, with the peak of sexual activity at 24 hours after emergence. Male antennae showed three electroantennogram responses (peaks) to extracts of virgin females. The putative sex pheromone was identified as "C1". Four isomers of this pheromone candidate promoted electrophysiological response as the same natural female extract. New steps involving field tests will be carried out to define the active component of this pheromone and proportions most effective for male attraction.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Há arquivos retidos devido a solicitação (publicação de dados, patentes ou diretos autorais).
Data de Liberação
2021-01-03
Data de Publicação
2019-01-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.