• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2002.tde-29102002-154433
Documento
Autor
Nome completo
Décio Zuliani Maluf
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2002
Orientador
Banca examinadora
Pires, Alexandre Vaz (Presidente)
Binelli, Mario
Madureira, Ed Hoffmann
Título em português
Avaliação da reutilização de implantes contendo progestágenos para controle farmacológico do ciclo estral e ovulação em vacas de corte.
Palavras-chave em português
bovinos de corte
ciclo estral
hormônio animal
ovulação
reprodução animal
vacas
Resumo em português
Duzentos e vinte e uma vacas (78 com bezerros entre 40 e 90 dias de idade) mestiças Nelore (Bos taurus indicus) X Charolês (Bos taurus taurus) foram utilizadas para avaliar a reutilização de implantes auriculares de silicone impregnados com progestágenos para controle farmacológico do ciclo estral e ovulação. Os tratamentos experimentais consistiram de três protocolos para sincroni zação do cio e inseminação artificial em tempo pré-determinado. No tratamento 1 (T1; n=73) as vacas receberam um implante auricular de Crestar® (3 mg de norgestomet); no tratamento 2 (T2; n= 75) as vacas receberam um implante auricular de Crestar® já utili zado anteriormente em outra sincronização; e no tratamento 3 (T3; n=73) as vacas receberam dois implantes auriculares de Crestar® também já utilizados, os quais foram colocados lado a lado na mesma orelha. Além dos implantes, as vacas receberam aplicação intramuscular (im) de uma associação de 2 mL de progesterona (25mg/mL) + benzoato de estradiol (1mg/mL) no momento da colocação dos implantes (D0). Os implantes foram removidos após 8 dias (D7) junto a uma aplicação (im) de Preloban® (150mg de D-cloprostenol). Após 24h da remoção do implante, foi aplicado uma dose (im) de Estrogin® (1mg de benzoato de estradiol). Todas as vacas foram inseminadas artificialmente 54-56h após a retirada dos implantes. Noventa por cento do sêmen utilizado no experimento foi proveniente de um só touro, os 10% restantes foram distribuídos equitativamente entre os tratamentos. A inseminação artificial foi realizada por um único inseminador. As vacas com bezerro ao pé apresentaram um escore de condição corporal entre 5 e 6, numa escala de 1 a 9, e as vacas sem bezerro entre 6 e 7. A variável estudada foi a taxa de prenhez das vacas. A análise estatística foi realizada com o auxílio do pacote estatístico “Statistical Analysis System 8.0”, utilizando regressão logística. Não houve dife rença na taxa de prenhez das vacas, sendo 39,72%, 34,21% e 36,98% para os tratamentos T1, T2 e T3, respectivamente. A reutilização de implantes com progestágeno não altera a taxa de prenhez de vacas aptas à reprodução.
Título em inglês
Evaluation of progestagen implants reutilization on pharmacological control of estrus cycle and ovulation in beef cows.
Palavras-chave em inglês
animal hormone
animal reproduction
beef cattle
cows
estrous cycle
ovulation
Resumo em inglês
Two-hundred and twenty-one (78 suckling– 40 to 90 days) Nelore (Bos taurus indicus) X Charolais (Bos taurus taurus) cows were used to evaluate the reutilization of progestagen implants to control pharmacologically the estrus cycle and ovulation. Cows were randomly assigned to one of three protocols for estrous synchronization and artificial insemination in pre-fixed time. In treatment 1 (T1; n=73) cows were implanted with Crestar® (3 mg de norgestomet); in treatment 2 (T2; n= 75) cows were implanted with Crestar®, already used in a previous synchronization; and in treatment 3 (T3; n=73) cows received two Crestar® implants, also previously used, both placed side by side in the same ear. All cows were injected with an intra muscular (i.m.) dose of 2 mL of progesterone (25mg/mL) + estradiol benzoate (1mg/mL) at the time of implants insertion (D0). Implants were removed after 8 days (D7) and an i.m. dose of Preloban® (150mg de D-cloprostenol) was administered. Twenty-four hours after implants removal, cows were i.m. injected with a dose of Estrogin® (1mg of estradiol benzoate). All cows were artificially inseminated at 54-56 h after implants removal. Ninety percent of semen used in the experiment was from only one bull, the remaining 10% were equally distributed among treatments. Artificial insemination was performed by only one technician. Suckling cows had a body condition score of 5–6, in a scale of 1-9, and the non-suckling cows were 6-7. Pregnancy rate was the variable studied. Statistical analysis was accomplished by using "Statistical Analysis System 8.0", and logistic regression. There was no difference (P>0.05) on cow’s pregnancy rate among treatments. Pregnancy rates were 39.72, 34.21 and 36.98% for T1, T2 and T3, respectively. Progestagen implants reutilization did not affected pregnancy rate in beef cows ready for reproduction.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
decio.PDF (694.59 Kbytes)
Data de Publicação
2002-10-30
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.