• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.11.2004.tde-23082004-160429
Documento
Autor
Nome completo
Silvana Catarina Sales Bueno
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2004
Orientador
Banca examinadora
Minami, Keigo (Presidente)
Camara, Francisco Luiz Araujo
Costa, Cyro Paulino da
Martins, Leila
Scarpare Filho, Joao Alexio
Título em português
Produção de mandioquinha-salsa (Arracacia xanthorrhiza B.) utilizando diferentes tipos de propágulos.
Palavras-chave em português
mandioquinha-salsa
matéria seca
mudas
propagação vegetal
raiz
Resumo em português
A cultura da mandioquinha-salsa tem mostrado produção abaixo da demanda, na região sudeste, isso tem despertado o interesse dos produtores paulistas. Assim este trabalho teve como objetivo identificar algumas práticas na fase de produção de mudas e no sistema de cultivo, que permitam a expressão do potencial da cultura. As mudas foram avaliadas quanto ao tipo de propágulo: ápice e base do rebento maduro, e ápice do rebento juvenil; modo de pré enraizamento: canteiro de areia, tubete e plantio direto; no plantio de abril e no plantio de julho, em São Bento do Sapucaí –SP. O desempenho das plantas, a produção de raízes e rebentos, foi avaliado nos plantios de maio e de setembro, em Piracicaba – SP, utilizando as mudas produzidas em São Bento do Sapucaí. Durante o desenvolvimento das plantas, realizaram-se coletas de material vegetal, até o momento do transplantio e da colheita. Do período do pré-enraizamento até 30 dias após o transplantio no local definitivo, o propágulo juvenil apresentou o melhor desempenho. Contudo em épocas favoráveis podemos utilizar diversos tipos de propágulos, mediante a prática do pré-enraizamento dos rebentos. Em maio o ápice do rebento maduro pré-enraizado em tubete, promoveu uma produtividade estimada de 19,37 t/ha e na base do rebento maduro pré-enraizado em tubete 420.000 rebentos/ha As maiores quantidades raízes de melhor qualidade foram produzidas pelos rebentos maduros. No plantio de setembro os resultados foram insatisfatórios, com produtividade estimada de no máximo 1,65 t/ha de raízes. Em ambas as épocas de plantio os rebentos não serviram para serem utilizados como mudas, devido a infecções causadas por Xhanthomonas sp e Erwinia sp. Portanto, nesta região é possível a produção comercial de raízes. Entretanto é de fundamental importância, para se obter altas produtividades, utilizar rebentos maduros sadios e pré- enraizados. A instalação da cultura deve ser realizada no início do outono, para se colher as raízes durante o período de alta cotação e antes do aumento da pluviosidade.
Título em inglês
Production of arracacha (Arracacia xhanthorrhiza b.) from different types of propagules.
Palavras-chave em inglês
arracacha
arracacia xanthorrhiza
plantlets
roots
Resumo em inglês
The arracacha production in the southeast of Brazil has not met market demands, which has awakened the interest of growers. The purpose of the present work was to identify procedures in plantlets production and crop system which would allow the crop to express its full productive potential. Plantlets were evaluated considering the type of propagule (apex and base of mature shoots, and apex of juvenile shoots) and pre-rooting (in sand, in tubets or direct planting, without pre-rooting), for planting in April and July in São Bento do Sapucaí – SP. The plants performance and the production of roots and shoots were evaluated in crops planted in May and September in Piracicaba-SP, using plantlets produced in São Bento do Sapucaí. Plant material was collected during the plants development until transplanting and harvest. Juvenile propagules showed the best performance for plantlet production from the pre-rooting stage up to 30 days after transplanting to the field. However, in favorable periods several types of propagules undergoing pre-rooting can be used. In May, the plantlets produced from the apex of mature shoots pre-rooted in tubets promoted an estimate yield of 19.37 t/ha and 420,000 shoots/ha at the base of the mature shoots pre-rooted in tubets. Mature shoots yielded the largest amounts of best quality roots. Results were unsatisfactory for the September planting, with a maximum estimate yield of 1.65 t of roots/ha. Shoots were unsuitable for use as plantlets in both planting periods due to infections by Xanthomonas sp and Erwinia sp. The commercial production of roots in the studied region is possible. However, the use of good quality, pre-rooted shoots. The planting of the culture in mid-fall enable the harvest at the period of high market prices for the product, so that the harvest happens before the increase in rainfall, is fundamental to ensure high productivity and good quality.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
silvana.pdf (2.30 Mbytes)
Data de Publicação
2004-08-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.