• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.11.2009.tde-14042009-092855
Documento
Autor
Nome completo
Guy Mitsuyuki Tsumanuma
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2009
Orientador
Banca examinadora
Fancelli, Antonio Luiz (Presidente)
Amorim, Lilian
Christoffoleti, Pedro Jacob
Furlan, Silvânia Helena
Rodrigues, Joao Domingos
Título em português
Controle de ferrugem asiática e desempenho de duas cultivares de soja submetidas a diferentes fungicidas e épocas de aplicações
Palavras-chave em português
Controle químico
Crescimento vegetal
Ferrugem - Doença de planta
Fungicida
Soja.
Resumo em português
O fungo Phakopsora pachyrhizi Syd. & Syd, representa grande ameaça à sojicultura nas principais regiões produtoras do mundo, onde perdas significativas foram relatadas. Na quantificação de danos causados por esta doença muitas são as variáveis a serem estudadas como Área abaixo da curva de progresso da doença (AACPD), Absorção da área foliar sadia (HAA) e Duração da área foliar sadia (HAD), além das curvas de progresso da doença. Visando seu controle químico torna-se necessário a aplicação de defensivos agrícolas, os quais podem afetar o crescimento e metabolismo das plantas, resultando em consequências negativas ou positivas. Existem relatos de que a aplicação de fungicidas do grupo das estrobilurinas na cultura da soja tem promovido aumento de produtividade mesmo em locais sem incidência de doenças, indicando que alterações de ordem fisiológica devem ser quantificadas. Este estudo foi desenvolvido com o objetivo de verificar a influência dos diferentes fungicidas no progresso da doença, bem como suas implicações nas variáveis referentes à área foliar sadia, no crescimento e na produtividade de duas cultivares semeadas em época tardia. Os tratamentos testados nas duas cultivares foram: 1. Testemunha; 2. Testemunha com herbicidas (V4); 3. Herbicida + pyraclostrobin (V4); 4. Herbicidas + pyraclostrobin (V4) e pyraclostrobin + epoxiconazole (R2); 5. Herbicidas + pyraclostrobin (V4) e pyraclostrobin + epoxiconazole (R2 e R5.1); 6. Herbicida + pyraclostrobin (V4), pyraclostrobin + epoxiconazole (R2) e epoxiconazole (R5.1) 7. Herbicida + pyraclostrobin (V4) e epoxiconazole (R2 e R5.1); 8. Herbicida (V4) e pyraclostrobin + epoxiconazole (R2 e R5.1). A análise dos resultados permitiu afirmar que a associação da estrobilurina (pyraclostrobin) com bentazon e chlorimuron-ethyl, em V4, possibilitou a antecipação da recuperação dos efeitos provocados pelos herbicidas citados. A mistura de estrobilurinas associado à triazol (pyraclostrobin + epoxiconazole) promoveu maior controle e período residual sobre o fungo Phakopsora pachyrhizi, em relação ao fungicida do grupo dos triazóis (epoxiconazole). O modelo logístico foi o que mais se adequou à severidade média das avaliações e à curva de progresso da doença. Para o terço inferior, posição da copa mais propicia ao desenvolvimento da doença, o modelo logístico com taxa variável foi o que mais se ajustou aos dados obtidos. As variáveis AACPD, HAA e HAD podem ser consideradas apropriadas para se quantificar os danos provocados por esta doença. Na análise de crescimento, foi observado que a referida mistura aplicada em R2 e R5.1, promoveu maior índice de área foliar e acúmulo de massa seca de parte aérea, resultando em maiores valores de taxa de crescimento absoluto (TCA), taxa de crescimento relativo (TCR), taxa assimilatória líquida (TAL) e taxa de crescimento da cultura (TCC) em estádios reprodutivo, diferenciando, inclusive, dos tratamentos com aplicação isolada de triazóis (epoxiconazole). Ainda, a utilização dos fungicidas estudados, a partir de R2, melhorou a qualidade fisiológica de sementes. Assim, de acordo com estes resultados a utilização da mistura pyraclostrobin + epoxiconazole resultou no aumento significativo dos valores dos componentes de produção, possibilitando a obtenção de ganhos de produtividade.
Título em inglês
Asian Rust control and performance of two soybean cultivars submitted to different fungicides and application time
Palavras-chave em inglês
Chemical control
fungicide
plant growth
rust plant disease
soybean.
Resumo em inglês
Phakopsora pachyrhizi Syd. & Syd. is the worst threat for soybean crop in the main producers regions around the world, where significant loses has been observed. Many variables in the quantification of damage of this disease have to be studied, such as area under the disease progress curve (AUDPC), healthy leaf area absorption (HAA), healthy leaf area duration (HAD), in addition to disease progress curves. Aiming the chemical control of this disease, it becomes necessary fungicide applications, which may change the metabolism and the growth of the plant, resulting in negative or positive alterations. There are reports showing that fungicide applications of the strobilurin group on soybean crop have promoted yield enhancement, even in situations without the incidence of diseases, indicating that physiologic changes should be quantified. This study aimed at evaluating the influence of different fungicides on the progress of the disease and its implications on variables related to healthy leaf area, the growth and productivity of two cultivars sowed in late season. The treatments were evaluated in two cultivars: 1. Control; 2. Control with herbicides (V4); 3. Herbicide + pyraclostrobin (V4); 4. Herbicide + pyraclostrobin (V4) and pyraclostrobin + epoxiconazole (R2); 5. Herbicide + pyraclostrobin (V4) and pyraclostrobin + epoxiconazole (R2 and R5.1); 6. Herbicide + pyraclostrobin (V4), pyraclostrobin + epoxiconazole (R2) and epoxiconazole (R5.1) 7. Herbicide + pyraclostrobin (V4) and epoxiconazole (R2 and R5.1) 8. Herbicide (V4) and pyraclostrobin + epoxiconazole (R2 and R5.1). The analysis of the results obtained has made it possible to conclude that the association of pyraclostrobin with bentazon e chlorimuron-ethyl, in V4, allowed an early recovery from the effects caused by the above-mentioned herbicides. The spraying of strobilurins group associated with triazole (pyraclostrobin + epoxiconazole) promoted greater control and longer residual period of Phakopsora pachyrhizi, in relation to the group of ergosterol biosynthesis inhibitors fungicide (epoxiconazole). The logistic model was the one which best adapted to the mean severity ratings and the disease progress curve. At the bottom of the canopy, the most favorable position to the development of the disease, the logistic model with variable rate was the model that most fitted the obtained data. The variables AUDPC, HAA and HAD can be considered suitable to quantify the damage caused by this disease. On the growth analysis, it was observed that the mixture cited above, applied on R2 and R5.1, promoted higher leaf area index and shoots dry mass accumulation, resulting in increase of absolute growth rate (AGR), relative growth rate (RGR), net assimilation rate (NAR) and crop growth rate (CGR) in reproductive stages, differing even from the treatment with single triazole applications. The use of these studied fungicides, starting from stage R2, provided better physiological quality of seeds. Thus, according to these results, the application of strobilurin group associated with triazoles (pyraclostrobin + epoxiconazole) fungicide resulted in significant increase in values of the productivity compounds, resulting in yield gains.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Guy_Tsumanuma.pdf (6.11 Mbytes)
Data de Publicação
2009-04-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.