• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2002.tde-03092002-170446
Documento
Autor
Nome completo
Elaine Regina Godoy Labanca
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2002
Orientador
Banca examinadora
Pascholati, Sergio Florentino (Presidente)
Braga, Marcia Regina
Lambais, Marcio Rodrigues
Título em português
Purificação parcial de elicitores presentes em Saccharomyces cerevisiae: atividade como indutores de resistência em pepino (Cucumis sativus) contra Colletotrichum Iagenarium e da síntese de gliceolinas em soja (Glycine max).
Palavras-chave em português
fitoalexinas
pepino
peroxidase
saccharomyces
soja
Resumo em português
A indução de resistência em plantas contra fitopatógenos é um método alternativo de controle de doenças, o qual envolve a ativação de mecanismos de resistência latentes da planta. Hoje no mercado existem poucos produtos que atuam segundo este princípio. Na busca de novas moléculas que possam ser utilizadas em campo, diversos compostos de origem microbiana, com capacidade de estimular uma ou mais respostas de defesa, já foram isolados e caracterizados. A Saccharomyces cerevisiae é uma levedura capaz de induzir resistência e elicitar respostas de defesa em algumas plantas. Com o objetivo de extrair da levedura um ou mais compostos capazes de induzir o acúmulo de fitoalexinas em cotilédones de soja e na proteção dessa leguminosa contra Microsphaera diffusa (agente causal do oídio da soja) e de pepino contra Colletotrichum lagenarium (agente causal da antracnose do pepino), células em suspensão foram autoclavadas. Os compostos assim extraídos foram inicialmente separados através de precipitação etanólica. Em seguida, foram realizadas cromatografias de troca iônica e de afinidade para separar as frações com maior poder elicitor das de baixo poder elicitor. A fração não adsorvida à resina DEAE-Celulose foi a que induziu maior acúmulo de fitoalexinas. No entanto, nenhum dos preparados testados foi capaz de conferir proteção a plantas de soja contra M. diffusa. Já no caso de pepino, plântulas tratadas com as frações resultantes da cromatografia de afinidade apresentaram reduções entre 50 e 70 % de área lesionada causada por C. lagenarium e aumento na atividade de peroxidases. Extratos incorporados à meio de cultivo não apresentaram efeito inibitório sobre o crescimento e esporulação de C. lagenarium. Com base nesses resultados, concluímos que existe na parede da levedura compostos capazes de induzir resistência local em pepino contra C. lagenarium, sendo que pelo menos um destes compostos é um carboidrato, contendo provavelmente manana e glucosamina.
Título em inglês
Partial purification of elicitors from saccharomyces cerevisiae: role as resistance inducers in cucumber (Cucumis sativus) against colletotrichum lagenarium and as inducers of glyceollin synthesis in soybean (Glycine max).
Palavras-chave em inglês
cucumber
phytoalexins
soybean
Resumo em inglês
The acquired resistance of plants to pathogens is an alternative method to control diseases which includes the activation of resistance mechanisms in the plants. A few products already commercially available have their action based upon this mechanism. In the search for novel molecules that can be used under field conditions, many compounds from microbes with the ability to stimulate one or more defense responses were already isolated and characterized. Saccharomyces cerevisiae is an yeast with the ability to induce defense responses and resistance in some plants. A suspension of cells from the yeast was autoclaved with the purpose of extracting one or more compounds with the ability to induce the accumulation of phytoalexins in soybean cotyledons and to protect soybean plants against Microsphaera diffusa (causal agent of powdery mildew) and plants of cucumber against Colletotrichum lagenarium (causal agent of anthracnose). The compounds extracted by this method were separated using ethanolic precipitation. After this step, the fractions of higher elicitation activity were separated from those of lower one by using ion exchange cromatography and affinity cromatography. The non-adsorbed fraction to DEAE-Cellulose was the one that induced the highest accumulation of phytoalexins. However, none of the fractions were able to protect soybean plants from M. diffusa. In the case of cucumber, seedlings treated with the fractions from affinity chromatography were able to reduce disease symptoms caused by C. lagenarium by 50 to 70 % and to increase the activity of peroxidases. Extracts that were incorporated into growing media did exhibit any inhibitory effect on in vitro growth and sporulation of C. lagenarium. According to these results, it is possible to conclude that there are compounds in the cell walls of the yeast that are able to induce local resistance to C. lagenarium in cucumber and that at least one of these compounds is a carbohydrate that likely contains mannan and glucosamine.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
elaine.pdf (367.93 Kbytes)
Data de Publicação
2002-09-12
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.