• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.11.2019.tde-17012019-165548
Documento
Autor
Nome completo
Leandro Stocco
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2018
Orientador
Banca examinadora
Ferreira Filho, Joaquim Bento de Souza (Presidente)
Miranda, Silvia Helena Galvao de
Santos, Jerônimo Alves dos
Silva, Jonathan Gonçalves da
Vian, Carlos Eduardo de Freitas
Título em português
Impactos econômicos da redução do hiato de produtividade da pecuária de corte no Brasil
Palavras-chave em português
Hiato de produtividade
Pecuária
Uso do solo
Resumo em português
O Brasil está adotando políticas agrícolas, florestais e ambientais, como o Novo Código Florestal e o Acordo de Paris sobre Mudança Climática, com base no pressuposto de que o aumento da produtividade da pecuária irá liberar terras para expandir a produção agrícola, diminuir a pressão do desmatamento, contribuir para a recomposição florestal, e reduzir emissões de gases do efeito estufa provenientes de mudanças do uso do solo. Um modelo computável de equilíbrio geral, denominado TERM-BR, configurado, desenhado e desenvolvido para a economia brasileira foi utilizado para simular os impactos resultantes da redução do hiato de produtividade da pecuária de corte no Brasil, que foi calculado com dados recentes da pecuária produzidos a partir de técnicas de geoprocessamento. Verificou-se que a intensificação da pecuária realmente libera terras para agricultura e evita desmatamento futuro na região da Amazônia e Cerrado, e libera terras para produção agrícola nos demais locais do país, ainda que não tenha implicações sobre suas áreas de florestas, que já estão definidas e consolidadas. Constatou-se também que o aumento da produtividade da pecuária contribui para diminuir as emissões do setor agrícola e florestal, devido a mudanças do uso do solo que favorecem a redução do desmatamento futuro, no entanto essa política eleva o total de emissões da economia brasileira, pois impulsiona a atividade econômica.
Título em inglês
Economic impact of cattle yield gap closing in Brazil
Palavras-chave em inglês
Cattle
Land use
Yield gap
Resumo em inglês
Brazil is adopting agricultural, environmental, and forest policies, like the New Forest Code and the Paris Climate Agreement, based on the hypothesis that the increase of cattle productivity will release land for agricultural production, contribute for forest recover, and reduce greenhouse gas emissions derived from land use change. A computable general equilibrium model, named TERM-BR, designed and developed for the Brazilian economy, was employed to simulate the impacts produced by closing the cattle yield gap, which was estimated with recent data generated by geoprocessing methods. Indeed, it was verified that the intensification of cattle raising can release additional land for agriculture, it is able to avoid future deforestation in the Amazon and Brazilian Savanna, and at the same time it also releases land for agricultural production in other places of the country, but without consequences for its forests, since their areas already are well delimited and consolidated. It was also verified that the increase of cattle productivity contributes to reduce emissions in the agricultural and forest sectors, due to land use change that help to diminish future deforestation, however this policy enhances the total emissions of the Brazilian economy, because it increases economic activity.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Leandro_Stocco.pdf (1.12 Mbytes)
Data de Publicação
2019-01-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.