• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.11.2001.tde-12042004-155246
Documento
Autor
Nome completo
Vania di Addario Guimarães
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2001
Orientador
Banca examinadora
Barros, Geraldo Sant Ana de Camargo (Presidente)
Aguiar, Danilo Rolim Dias de
Brandão, Antonio Salazar Pessoa
Guilhoto, Joaquim Jose Martins
Peres, Fernando Curi
Título em português
Análise do armazenamento de milho no Brasil com um modelo dinâmico de expectativas racionais.
Palavras-chave em português
estoque
milho armazenado
política econômica
preço agrícola
produto agrícola
Resumo em português
O objetivo deste trabalho foi analisar o mercado de milho no Brasil, sob a nova política de preços agrícolas, especificamente através do mecanismo de Prêmio para Escoamento de Produto (PEP) adotada na segunda metade da década de 90. Foram desenvolvidos modelos para representar o mercado brasileiro já que a literatura voltada para estes estudos não continha nenhum modelo adequado à situação brasileira. Os modelos destacam o papel dos estoques entre anos safra sobre o equilíbrio do mercado considerando ainda a possibilidade de importar e exportar. Foram estimadas funções de demanda para consumo e oferta de área plantada para milho no Brasil, obtidos os valores médios históricos, para o período de 1986 a 2000, do custo de armazenamento físico por tonelada, do preço médio do milho no mercado internacional representado pela Bolsa de Chicago, do custo médio de importação/exportação do produto tendo como referência uma distância média de 300 Km até o porto. A taxa de juros utilizada foi de 12% ao ano. Estas funções e parâmetros serviram de base para a estimação dos modelos dinâmicos de expectativas racionais, através de programação dinâmica estocástica e aproximações das funções de preço esperado e área plantada através de polinômios. Foram também desenvolvidos os algoritmos para a estimação dos modelos e todos os cálculos realizados em planilha eletrônica. Foram construídos quatro modelos para o mercado de milho partindo de uma situação de mercado fechado ao comércio exterior sem intervenção do governo; mercado fechado com intervenção através de PEP; mercado aberto ao comércio exterior sem intervenção do governo e mercado aberto com intervenção. Este último modelo representa o mercado de milho no Brasil no final da década de 90. Foram obtidas as políticas ótimas de armazenamento para os quatro modelos e então, realizadas 2500 simulações para uma seqüência de 10 anos para cada modelo. Duas variáveis exógenas aleatórias do modelo são os choques de oferta (produtividade aleatória) e de demanda. O preço de equilíbrio, o volume consumido, o estoque de um ano para o outro e os volumes exportados ou importados são variáveis endógenas, ou seja, resultados da estimação do modelo. A partir dos valores simulados foram calculadas as médias de longo prazo para as variáveis endógenas em cada modelo que foram, então, comparadas entre si. Os resultados mostram que a abertura do mercado transfere para o comércio exterior o papel de amortecedor de choques de oferta e demanda internos que, no caso de mercados fechados, é desempenhado pelos estoques de produtos entre anos safra. Os resultados sugerem que, dependendo dos valores relativos entre o preço mínimo e o preço de paridade de exportação, a política de subsídio pode levar o país à condição de exportador.
Título em inglês
Dinamyc rational expectation storage models applied to brazilian corn market.
Palavras-chave em inglês
agricultural prices
agricultural product
economic policy
sotored corn
stocks
Resumo em inglês
Dynamic rational expectation storage models were developed to represent the Brazilian corn market in the late 90’s. In theses years the Brazilian agricultural price policy changed from a buffer stock scheme to a producer price subsidy (Prêmio para Escoamento de Produto – PEP) and the Brazilian market was open to international trade. Any model in the existing literature was not able to represent the Brazilian corn market conditions. Acreage supply and consumption demand functions for corn the were estimated, as well as average values from 1986 to 2000 of annual storage cost, export and import prices, based on Chicago Board of Trade quotes. The annual interest rate was 12%. These functions and parameters were used to estimate the dynamic rational expectation models, through stochastic dynamic programming. The expected price and planted area functions were approximated by a fourth degree polynomial. The necessary algorithms were developed and results obtained using worksheets. Four models were estimated beginning with the situation of closed economy with no government intervention; closed economy with intervention through a producer price subsidy; open economy with no government intervention and open economy with intervention through a producer price subsidy. The optimal storage policies or storage rules for each model were obtained and used to generate 2.500 simulations of a 10 years path for each model. In these models, equilibrium price, consumption, storage and imports/exports are endogenous variables. Stochastic yields and demand shocks are exogenous variables. The long run means of the endogenous variables were calculated from the simulations and compared among models. The results show that with open markets, exports and imports play the role of shocks absorbers, played by storage in closed economies. Results suggest that the producer price subsidy policy may lead the country to be an exporter, depending on the relative values between minimum price and export price at the cost of ever increasing government expenditures.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
vania.pdf (374.75 Kbytes)
Data de Publicação
2004-04-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.