• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Erika Maria Medina Barrantes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Oliveira, Amâncio Jorge Silva Nunes de (Presidente)
Lehmann, Kai Enno
Onuki, Janina
Ruiz, José Ramón Briceño
Weiffen, Brigitte
Título em espanhol
Cohesión social y democracia: nueva formulación para el desarrollo en un mundo globalizado
Palavras-chave em espanhol
Calidad democrática
Cohesión social
Democracia
Desarrollo
Globalización
Resumo em espanhol
"Cohesión social" es un concepto que se refiere al proceso permanente de desarrollo de un conjunto de valores y desafíos compartidos, vinculados con la búsqueda de igualdad de oportunidades dentro de una sociedad. Esta tesis busca evaluar el impacto de la cohesión social en la calidad democrática por medio de una investigación cuantitativa y sistemática demostrando su relevancia para el desarrollo económico, político y social, a través de una revisión profunda de la literatura, que reafirma la relevancia de las políticas sociales en estas dinámicas. El analisis sera realizado en 3 niveles, en primer lugar un análisis global con la implementación de un modelo que vincula los dos conceptos centrales para 118 países, en segundo lugar un nivel regional observando los procesos de cohesión en América del Sur y Europa del Este, regiones que sufrieron reformas sociales profundas durante los años noventa por medio de programas que buscaban disminución de las brechas sociales, evaluando sus características estructurales y como ha sido fortalecido el sentido de pertenencia a partir de políticas sociales, finalmente, el nivel estatal por medio del análisis del caso venezolano, país caracterizado por procesos de polarización política y exclusión, los cuales se han incrementado durante los últimos 15 años, analizando el papel de las organizaciones de la sociedad civil (OSC) en este contexto, siendo consideradas como actores catalizadores de la participación ciudadana y la cohesión dentro de la sociedad. En definitiva los procesos de cohesión son el resultado de una responsabilidad compartida por los derechos y el bienestar de todos los actores que conforman una sociedad, esta tesis busca enfatizar la relevancia de la dimensión social en la búsqueda de una democracia con calidad, por medio de un dialogo profundo con la literatura pertinente, tomando en consideración el comportamiento de un conjunto de países y regiones en un periodo de tiempo definido, análisis que se constituye como un ámbito teórico-metodológico que debe proseguirse en nuestra disciplina.
Título em português
Coesão social e democracia: nova formulação para a construção do desenvolvimento no mundo globalizado
Palavras-chave em português
Coesão social
Democracia
Desenvolvimento
Globalização
Qualidade da democracia
Resumo em português
"Coesão social" é um conceito que se refere ao processo permanente de desenvolvimento de um conjunto de valores e desafios compartilhados, vinculados á busca de igualdade de oportunidades dentro de uma sociedade. Esta tese procura avaliar o impacto da coesão social na qualidade da democracia por meio de una investigação quantitativa e sistemática demostrando sua relevância para o desenvolvimento económico, político e social, através de uma revisão profunda da literatura, reafirmando a relevância das políticas sociais nestas dinâmicas. A analise será realizada em 3 níveis, em primeiro lugar una análise global com a implementação de um modelo que vincula os dois conceitos centrais para 118 países, em segundo lugar um nível regional observando os processos de coesão na América do Sul e o Leste Europeu, regiões que sofreram reformas sociais profundas durante os anos noventa por meio de programas que buscavam a diminuição das brechas sociais, avaliando suas caraterísticas estruturais e como tem sido fortalecido o senso de pertencimento a partir das políticas sociais, finalmente, no nível estatal por meio da análise do caso venezuelano, país caraterizado por processos de polarização política e exclusão, os quais tem se incrementado durante os últimos 15 anos, por meio da observação do papel das organizações da sociedade civil (OSC) neste contexto, sendo consideradas como atores catalizadores da participação cidadã e a coesão dentro da sociedade. Em definitiva, os processos de coesão são o resultado de uma responsabilidade compartilhada pelos direitos e o bem-estar de todos os atores que conformam uma sociedade, esta tese enfatiza a relevância da dimensão social na busca de una democracia com qualidade, por meio de um dialogo profundo com a literatura pertinente, tomando em consideração o comportamento de um conjunto de países e regiões em um período de tempo definido, análise que se constitui como um âmbito teórico-metodológico que deve prosseguir-se na nossa disciplina.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-04-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.