• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.100.2019.tde-10022019-100234
Documento
Autor
Nome completo
Leticia Janini Godoy
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Araujo, Mauricio de Campos (Presidente)
Dias, Sylmara Lopes Francelino Gonçalves
Kanamaru, Antonio Takao
Merlo, Márcia
Título em português
Crítica à sustentabilidade: o descompasso entre o discurso e as práticas das redes de moda brasileiras
Palavras-chave em português
Discurso
Moda
Sustentabilidade
Resumo em português
A presente pesquisa realiza uma crítica acerca das contradições entre discurso e prática da cadeia de moda brasileira à luz da teoria da sustentabilidade. Em particular, avalia-se se as ações das duas maiores redes de moda nacionais - Renner e Riachuelo - são pertinentes às mensagens politicamente corretas que elas propagam nas mídias. Tal empreitada fundamenta-se em análise de conteúdo disponível eletronicamente em suas páginas corporativas, o qual foi confrontado tanto com o ideário promovido originalmente pela Organização das Nações Unidas (ONU), como pelo senso comum. Assim, propõe-se alcançar o entendimento do conceito de sustentabilidade sob o ponto de vista das empresas tratadas, considerando-se a sua crescente polissemia. Em segundo plano, procura-se verificar se a práxis empresarial é verdadeiramente consoante com os valores e princípios ditados pela noção geral de sustentabilidade. Os resultados apontam que a lógica concorrencial e predatória que permeia o negócio das empresas analisadas contrariam os princípios de sustentabilidade, destituindo-lhes de sua legitimidade e credibilidade
Título em inglês
Criticism to sustentability: the mismatch between the discourse and the practices of Brazilian fashions chains
Palavras-chave em inglês
Discourse
Fashion
Sustentability
Resumo em inglês
The present research criticizes the contradictions between discourse and practice within Brazilian fashion industry's productive chain in the light of the theory of sustainability. In particular, it is assessed whether the actions of two main local fashion retailers - Renner and Riachuelo - are pertinent to the politically correct messages they propagate in the media. Such undertaking is based on an analysis of content available electronically in their corporate pages, which have been confronted both with the ideas originally promoted by the United Nations and by common sense. Thus, it aims to reach an understanding of sustainability concept from the point of view of the examined companies, considering its increasing polysemy. In the background, it intends to check if the business praxis is truly consonant with the values and principles dictated by the general notion of sustainability. The results indicate that the competitive and predatory logic that permeates the business of the analyzed companies contravenes the principles of sustainability, depriving them of their legitimacy and credibility
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
3535746.pdf (1.40 Mbytes)
Data de Publicação
2019-03-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.