• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2003.tde-07082007-114644
Documento
Autor
Nome completo
Edson Azevedo Simões
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2003
Orientador
Banca examinadora
Jatene, Fabio Biscegli (Presidente)
Barros, Paulo Sergio de Moraes
Guerra, José Luiz
Título em português
Estudo comparativo entre sutura mecânica e manual em brônquio após pneumonectomia esquerda em cães (Canis familiaris): uma avaliação anatomo-patológica, paramétrica, radiológica e broncoscópica
Palavras-chave em português
Brônquios
Cães
Pneumonectomia
Sutura
Resumo em português
Em cães, os estudos experimentais comparativos dos diferentes tipos de sutura para a síntese do brônquio principal são escassos, quando não ausentes nesta espécie. Além disso, existem possíveis complicações decorrentes da má cicatrização do brônquio. O objetivo deste estudo foi realizar um estudo experimental comparando-se sob o ponto de vista anatomo-patológico, paramétrico, radiológico e broncoscópico as suturas manual e mecânica em brônquio principal após pneumonectomia esquerda em cães. Foram utilizados 18 cães, sadios, machos e fêmeas, adultos, sem raça definida, pesando entre 9 e 27,5 kg. Os cães foram submetidos à intubação seletiva e toracotomia esquerda no 5º espaço intercostal, onde foi feita a pneumonectomia. Foram separados em 2 grupos de 9 cães, de acordo com o tipo de sutura empregada: Grupo A - sutura manual do coto brônquico principal esquerdo com pontos separados "em 8" com fio polipropileno 5-0; Grupo B - sutura mecânica do coto brônquico principal esquerdo com grampeador mecânico modelo TL-30 com grampos dispostos em fileira dupla. Cada grupo foi subdividido em 3 subgrupos de 3 animais, sendo estabelecido estudo temporal aos 7, 15 e 36 dias de pós-operatório, onde foi realizado a avaliação anatomo-patológica da cicatrização das suturas manual e mecânica, bem como, a avaliação paramétrica (antes da indução da anestesia, imediatamente após o final do ato cirúrgico, 48 horas, 7, 15 e 36 dias após o procedimento cirúrgico), avaliação radiológica ( 24 horas antes e com 7, 15 e 36 dias após o procedimento cirúrgico) e avaliação broncoscópica (após indução anestésica e com 7, 15 e 36 dias após o procedimento cirúrgico), consideradas importantes para avaliar possíveis complicações decorrentes deste tipo de procedimento cirúrgico. Estas avaliações foram realizadas de acordo com o estudo temporal nos diferentes subgrupos. A avaliação paramétrica foi realizada através da mensuração da temperatura, hematócrito, hemoglobina, freqüências cardíaca e respiratória. Na avaliação histopatológica foram avaliados qualitativamente e semi-quantitativamente a intensidade da inflamação, fibrose, vasos neoformados e a presença ou não de tecido de granulação, granuloma tipo corpo estranho e necrose. Os resultados encontrados foram analisados estatisticamente. Apesar das alterações dos índices paramétricos, todos os cães apresentaram evolução pós-operatória satisfatória. Com relação à análise histopatológica, ocorreu a formação de granuloma tipo corpo estranho no coto brônquico esquerdo em 88,9% dos cães submetidos à sutura manual e em nenhum dos cães submetidos à sutura mecânica. Houve ainda, diferença estatística significativa nos cães dos Grupos A e B em relação à intensidade da inflamação, sendo de maior intensidade nos cães submetidos à sutura manual. Os resultados obtidos mostraram não haver diferença estatística significativa nas avaliações radiográficas e broncoscópicas entre os Grupos A e B. Não foram observadas intercorrências no trans e pós-operatório. Concluiu-se que os 2 tipos de sutura promoveram cicatrização adequada do coto brônquico principal esquerdo, embora tenha ocorrido maior intensidade de inflamação e maior ocorrência de granuloma tipo corpo estranho nos cães submetidos à sutura manual, permitindo evolução paramétrica, radiológica, broncoscópica pós-operatória satisfatória e sem diferença nos cães dos Grupos A e B.
Título em inglês
Comparative study between mechanical and manual sutures in the bronchus after left pneumonectomy in the dogs (Canis familiaris): a pathological-anatomic, parametric, radiological and bronchoscopic evaluation
Palavras-chave em inglês
Bronchus
Dogs
Pneumonectomy
Suture
Resumo em inglês
In dogs, comparative experimental studies of the different types of sutures for the synthesis of the main bronchus are scarce, when not all available in this species. Furthermore, there are possible complications due to the poor healing of the bronchus. The objective of this study was to perform an experimental study to be compared under the pathological-anatomic, parametric, radiological and bronchoscopic point of views, the manual and mechanical sutures in the main bronchus after left pneumonectomy in dogs. Eighteen adult mongrel, healthy dogs, both male and female, were utilized weighing from 9 to 27.5 kg. The dogs were submitted to a selective intubation and left thorax incision in the 5 th intercostal space where a pneumonectomy was performed. Were separated into 2 groups of 9 dogs according to the type of suture employed: Group A - a manual suture of the main left bronchial stump with separate stitches "in 8" with polypropylene 5-O; Group B - a mechanical suture of main left bronchial stump with a mechanical stapler, model TL-30 arranged in a double file. Each group was subdivided into 3 subgroups of 3 animals and a temporal postoperative study was established at 7, 15 and 36 days where an pathological-anatomic evaluation was made on the healing of the manual and mechanical sutures as well as a parametric evaluation (before the induction of anesthesia, immediately after the final surgical act, 48 hours, 7, 15 and 36 days after the surgical procedure), radiological evaluation (24 hours before and with 7, 15 and 36 days after the surgical procedure), and bronchoscopic evaluation (after the induction of anesthesia and with, 7, 15 and 36 days after the surgical procedure), considered important to evaluate possible complications due to this type of surgical procedure. These evaluations were made according to the temporal study in the subgroups. The parametric evaluation was made through the mensuration of temperature, hematocrit, hemoglobin, heart and respiratory rate. During the histopathological evaluation, the intensity of inflammation, fibrosis, neoformed vessels, and the presence or absence of granulation tissue, foreign body reaction and necrosis were evaluated qualitatively and semi-quantitatively. The results found were analyzed statistically. Although the difference observed in the parametric evaluations, all the dogs showed good recovery postoperative. Regarding the histopathologic analysis, foreign body reaction occured in the left bronchial stump in 88,9% of the dogs submitted to a manual suture and in none of the dogs submitted to a mechanical suture. There is still, significant statistical difference in the dogs in Groups A and B in relation to the intensity of the inflammation, the greatest intensity being in the dogs submitted to the manual suture. The results obtained showed that there was no significant statistical difference in the radiographic and bronchoscopic evaluations between Groups A and B. No intercurrences were observed in the trans and postoperative period. It is concluded that both types of sutures brought an adequate healing of the main left bronchial stump, although there was a greater intensity of inflammation and a greater occurence of foreign body reaction in the dogs submitted to the manual suture, permitting satisfactory parametric, radiological and bronchoscopic postoperative evolution and there is no difference in all of the dogs in Groups A and B.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2007-08-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.