• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Joyce de Jesus Mangini Furlan
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2017
Orientador
Banca examinadora
Pereira, Angélica Simone Cravo (Presidente)
Albuquerque, Ricardo de
Araujo, Cristiane Soares da Silva
Furlan, Renato Luis
Nunes, Rubens
Título em português
Efeito do tratamento de cama e de estratégias nutricionais sobre índices produtivos e qualidade de carne em frangos de corte
Palavras-chave em português
Amônia
Aves
Dejeto avícola
Fitase
Proteína Bruta
Resumo em português
Objetivou-se avaliar os efeitos do uso de sulfato de alumínio, da densidade de alojamento e de estratégias nutricionais sobre índices produtivos, econômicos e qualidade de carne na produção de frangos de corte. Foram conduzidos dois experimentos, nos quais: Experimento I (EI) Objetivou-se avaliar os efeitos das doses de sulfato de alumínio [Al2(SO4)3 18 H2O] - (0, 200, 400 e 600 g/m2) no tratamento da cama aviária e da taxa de lotação (8 e 9 aves/m2). Foi avaliadas na cama, a amônia volatilizada, pH, teor de matéria-seca e nitrogênio, além do desempenho das aves, rendimento de carcaça, cortes (peito e coxa-sobrecoxa), ocorrência de lesão de peito e pododermatite e qualidade da carne (pH, cor, perdas totais por cozimento, maciez objetiva e análise sensorial). No Experimento II (EII) os objetivos foram avaliar os efeitos da inclusão dietética de fitase (1.000 FTU/kg de ração) e da redução do nível de proteína bruta (um ponto percentual) nas dietas de frangos criados em cama tratada ou não com sulfato de alumínio (1.568 g/m2). Além das análises citadas anteriormente, objetivou-se avaliar o aspecto microbiológico das carcaças de frango e propor uma estimativa econômica do poder fertilizante da cama aviária. Foi realizada a análise da viabilidade econômica do uso do sulfato de alumínio, da fitase e da redução do nível proteico da dieta na produção avícola. (EI) As doses de sulfato de alumínio e as taxas de lotação influenciaram as características da cama, reduzindo os valores de pH e minimizando a quantidade de amônia volatilizada. A melhor dose de sulfato de alumínio foi de 400 g/m2 independente da lotação adotada. As doses de sulfato de alumínio avaliadas não influenciaram o desempenho das aves, que foi afetado negativamente pelo aumento da densidade. Observou-se efeito significativo da interação sulfato de alumínio × taxa de lotação (P = 0,0094) sobre o rendimento de carcaça. O teste afetivo mostrou que o sulfato de alumínio não influenciou a aceitabilidade dos consumidores pela carne de frango. A análise economica demonstrou que a margem bruta aumentou quando a lotação foi de nove aves/m2 já que o peso do lote é maior. (EII) A aplicação do sulfato de alumínio na cama aviária reduziu os valores de pH e consequentemente a amonia volatilizada. Além disso, a baixa PB e a fitase reduziram o pH e a amônia também. O sulfato de alumínio (1.568 g/m2) reduz a emissão de amônia e as perdas de N da cama. Valorar o dejeto avícola como fertilizante orgânico permite uma melhor decisão com relação às quantidades a serem aplicadas na lavoura, promovendo benefícios econômico e ambiental. A inclusão dietética de fitase (1.000 FTU/kg de ração) influenciou características de cor da carne e melhorou sua maciez segundo a percepção de consumidores não treinados. O uso de 1.568 gramas de sulfato de alumínio por m2 diminui a margem de comercialização, onerando os custos de produção. Além disso, pode-se concluir que as diferentes estratégias nutricionais não apresentaram diferenças nas margens de comercialização, indicando a viabilidade econômica na utilização de ferramentas nutricionais para manutenção do impacto ambiental da produção avícola.
Título em inglês
Poultry litter treatment and nutritional strategies effects on productive indexes and meat quality in broiler chicks
Palavras-chave em inglês
Ammonia
Broilers
Crude protein
Phytase
Poultry manure
Resumo em inglês
The aim of this study was to evaluate the effects of the use of aluminum sulfate, stocking density and nutritional strategies on productive, economic indexes and meat quality on poultry industry. Therefore, two experiments were conducted. Experiment I (EI) the aim of study was to evaluate the effects of aluminum sulfate doses [Al2(SO4)3·18H2O] - (0, 200, 400 e 600 g/m2) to treated poultry litter and bird densities (8 and 9 birds/m2). It was evaluated volatilized ammonia, pH values, dry matter and nitrogen content from poultry litter. Furthermore, it was evaluated live performance, carcass, breast, drumstick and thigh yield, prevalence of breast skin lesions and foot-pad dermatitis, and chicken meat quality (pH, color, shear force, cook loss and sensorial analysis). Experiment II (EII) aims evaluate the effects of aluminum sulfate to treat litter (0 or 1.568 g/m2), including phytase (1,000 FTU/kg of feed) in the diet and diets with low-crude protein (one percentage point of reduction). This study aims to evaluate the Microbiological Plate Counts on carcasses was evaluated and propose a method to value the manure in relation to its potential as fertilizer too. The economic analysis was also performed, considering the use of aluminum sulphate, phytase and diets with low-crude protein in the production of broiler chickens. The economic analysis the marketing margin increased when the density was 9/m2 because the sold broilers weight was higher. (EI) Aluminum sulfate doses and the stocking density influence poultry litter characteristics, lowering the pH values and reducing the amount of volatilized ammonia. The best dose of aluminum sulphate was 400 g/m2 regardless of the density adopted. The use of aluminum sulfate doses evaluated did not influence the broiler performance, which was negatively affected by the increase in the density. A significant effect of the interaction (P = 0.0094) was verified for carcass yield. The affective test showed that aluminum sulfate didnt influence consumers acceptability for chicken meat. The economic analysis showed that the contribution margin increased when the stocking was 9 birds/m2 since the lot weight is higher. (EII) Application of alum to the litter lowered pH values and consequently ammonia volatilization, moreover the low crude protein and phytase reduced this traits too. Aluminum sulfate (1.568 g/m2) reduces ammonia emissions and consequently nitrogen losses from litter. Valuing poultry manure as organic fertilizer allows the better decision in relation to the quantity to be applied to the crop, promoting economic and environmental benefits. It was concluded that the inclusion of phytase (1,000 FTU/kg of feed), influences chicken meat color characteristics, and improved meat tenderness in the perception of untrained panelists. The use of 1,568 grams of aluminum sulphate per m2 decreased the marketing margin, inflating production costs. In addition, it can be concluded that different nutritional strategies did not present differences in the margins of commercialization, indicating the economic feasibility in the use of nutritional tools to maintain the environmental impact of poultry production.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-03-13
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.