• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.10.2004.tde-06092007-084656
Documento
Autor
Nome completo
Ricardo Augusto Dias
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2004
Orientador
Banca examinadora
Ferreira, Fernando (Presidente)
Amaku, Marcos
Ferreira Neto, José Soares
Gonçalves, Vitor Salvador Picão
Homem, Valéria Stacchini Ferreira
Título em português
Caracterização espacial da brucelose bovina no Estado de São Paulo
Palavras-chave em português
Bovinos
Brucelose animal
Epidemiologia (Controle)
Resumo em português
O presente trabalho é resultante de uma parceria estabelecida entre o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), a Coordenadoria de Defesa Agropecuária do Estado de São Paulo (CDA) e o Departamento de Medicina Veterinária Preventiva e Saúde Animal da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo (VPS-FMVZ-USP). O Estado de São Paulo foi estratificado em sete circuitos produtores de bovinos e 150 rebanhos com atividade reprodutiva foram aleatóriamente selecionados em cada um deles. Em cada rebanho foi aplicado um questionário epidemiológico, foram aletoriamente coletadas amostras de soro de 10 ou 15 fêmeas com idade maior ou igual a 24 meses (em rebanhos com < 100 fêmeas, e rebanhos ≥ 100 fêmeas, respectivamente) e as coordenadas geográficas foram obtidas com um aparelho GPS. Os soros foram submetidos a um protocolo de testes em série, tendo o Rosa Bengala como método de triagem e a fixação de complemento como método confirmatório. A prevalência estimada de rebanhos com, ao menos, um animal soropositivo foi de 9,7% [7,8%; 11,6%], enquanto que a prevalência estimada de animais soropositivos foi 3,8% [0,7%; 6,9%], no Estado de São Paulo. Foi elaborado um mapa temático georreferenciado do Estado de São Paulo, no qual evidenciou-se a ausência de agrupamentos espaciais de rebanhos infectados. A análise também procurou medir o grau de associação das características de criação com a presença da doença, sendo que propriedades com 87 ou mais bovinos (OR = 2,25) e compra de reprodutores (OR = 1,56) foram as mais associadas. O modelo matemático proposto nesse trabalho mostrou que deverá ser intensificado o esforço para a vacinação de fêmeas e que, mesmo assim, os benefícios advindos da adoção desta medida, em termos de queda da prevalência da doença e diminuição do número de abortos, só se darão em prazos que podem alcançar décadas.
Título em inglês
Spatial characterization of bovine brucelosis in São Paulo State, Brazil
Palavras-chave em inglês
Animal brucellosis
Bovine
Epidemiology (Control)
Resumo em inglês
The present work is the result of a partnership established by the Ministry of Agriculture, Livestock and Food Supply (MAPA), the Animal and Plant Health Service of the State of São Paulo (CDA) and the Department of Preventive Veterinary Medicine and Animal Health of the University of São Paulo (VPS-FMVZ-USP). The State of São Paulo was stratified in seven cattle production regions and 150 herds with reproductive activity were randomly sampled within each one. In each herd was applied an epidemiological questionnaire, 10 or 15 cows over 24 months of age (on herds with < 100 cows, and herds ≥ 100 cows, respectively) were bled at random and the geographical coordinates were recorded with a GPS. Sera were tested using a serial test-ing procedure with the Rose Bengal Test as the screening method and the Complement Fixation as the con-firmatory method. The estimated prevalence of herds with at least one test-positive animal was 9.7% [7.8%; 11.6%], whereas the estimated prevalence of test-positive cattle was 3.8% [0.7%; 6.9%]. It was developed a georeferenced thematic map of the state of São Paulo, which revealed the absence of spatial clusters of infected herds. The analysis looked into the likely association of herd characteristics with the presence of the infection. The most associated characteristics were farms with more than 87 bovines (OR = 2.25) and reproduction animals reposition (OR = 1.56). A mathematical model was proposed in the present work, in wich the female vaccination effort was proposed to be intensificated, but according to the same model, the benefits of this measure will only be noticed, in terms of brucellosis prevalence and number of abortions decrease, in a matter of decades.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2007-09-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.