• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.10.2016.tde-01092015-143702
Documento
Autor
Nome completo
Maria Roberta Felizardo
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Moreno, Andrea Micke (Presidente)
Balian, Simone de Carvalho
Knöbl, Terezinha
Martins, Simone Maria Massami Kitamura
Pinheiro, Eliana Scarcelli
Título em português
Caracterização fenotípica e genotípica de isolados de Bordetella bronchiseptica provenientes de diferentes espécies animais
Palavras-chave em português
Bordetella bronchiseptica
Cães
Coelhos
Concentração inibitória mínima
Gatos
PFGE
Suínos
Resumo em português
Bordetella bronchiseptica é um agente respiratório zoonótico comumente encontrado em diversars espécies animais domésticos como cães, gatos, coelhos, suínos, aves e equinos. As infecções em humanos ocorrem ocasionalmente, sendo descritas com maior freqüência em indivíduos imunocomprometidos, mas relatos de casos de doença em adultos saudáveis e crianças têm aumentado. O presente estudo teve como objetivos determinar o perfil de resistência antimicrobiana de cepas de B. bronchiseptica isoladas de cães, gatos, coelhos e suínos, caracterizar as cepas pela eletroforese em campo pulsado (PFGE), e comparar os resultados obtidos com os dados epidemiológicos. Foram avaliadas 145 cepas e estas apresentaram 100% de resistência a ampicilina, penicilina, espectinomicina, clindamicina, tiamulina e tilosina. Taxas de resistência superiores a 95% das cepas foram observadas frente a tilmicosina, danofloxacina e ceftiofur. Os antimicrobianos com menores taxas de resistência foram enrofloxacina (2,1%) e clortetraciclina (11 %). As cepas isoladas de coelhos apresentaram menores taxas de resistência que as de suínos e de animais de companhia. A caracterização das cepas pela PFGE permitiu a separação de acordo com as espécies de origem em diferentes pulsotipos. A caracterização do agente, principalmente no que se refere à resistência a antimicrobianos, será de grande utilidade para os veterinários no controle das infecções pelo mesmo em suínos, animais de companhia e coelhos, visto que os dados sobre este agente etiológico no Brasil são escassos
Título em inglês
Phenotypic and genotypic characterization of Bordetella bronchiseptica from different animal species
Palavras-chave em inglês
Bordedella bronchisepfica
Cats
Dogs
Minimum inhibitory concentration
PFGE
Rabbits
Swine
Resumo em inglês
Bordefella bronchisepfica is a zoonotic respiratory agent commonly found in domestic animais as dogs, cats, rabbit, swine, birds and horses, Infections in humans occur rarely and have been described more frequently in immunocompromised individuais, but reports of cases of illness in healthy adults and children have increased. This study aims to characterize the resistance profile of B. bronchiseptica strains isolated from dogs, cats, rabbits and pigs and evaluate the strains by pulsed field gel electrophoresis (PFGE), comparing the results with epidemiological data. From 145 strains tested 100% presented resistance to ampicillin, penicillin, spectinomycin, clindamycin, tiamulin and tylosin. Resistance rates higher than 95% were found against tilmicosin, danofloxacin and ceftiofur. The antimicrobials with lower resistance rates were enrofloxacin (2.1 %) and chlortetracycline (11 %). Strains isolated from rabbits presented low resistance rates when compared with swine and pet animais. The PFGE analysis separated the strains according specie of origin in different pulsotypes. The agent characterization, mainly in relation with antimicrobial resistance will be of great help to veterinarians in control of infections in swine, pets and rabbits, since data about this bacteria in Brazil are rare
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Liberação
2018-03-09
Data de Publicação
2016-04-04
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.