• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2012.tde-28092012-113147
Documento
Autor
Nome completo
Franceliusa Delys de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Assís Neto, Antônio Chaves de (Presidente)
Miglino, Maria Angélica
Oliveira, Lilian de Jesus
Título em português
Análise comparativa da ultraestrutura do hipoblasto em embriões bovinos (Bos indicus) derivados de fertilização in vitro, transferência nuclear de células somáticas e partenogênese
Palavras-chave em português
Embrião
Hipoblasto
Produção in vitro
Ultraestrutura
Resumo em português
Em bovinos, o desenvolvimento embrionário é caracterizado pelo surgimento de duas camadas de células distintas, o trofectoderma e a massa celular interna. Esta última sofrerá diferenciação para formar o disco embrionário constituído pelo epiblasto e hipoblasto. Os trabalhos de caracterização morfológica do epiblasto e hipoblasto em bovinos são necessários uma vez que podem ajudar a elucidar as causas de perdas gestacionais, principalmente nos casos de embriões derivados de produção in vitro. Assim, o objetivo deste estudo foi caracterizar ultraestruturalmente o embrião bovino em diferentes fases do desenvolvimento com ênfase nas células do hipoblasto. Para isso, os embriões bovinos com 7, 14 e 16 dias de gestações derivados de técnicas de produção in vitro foram fixados para processamento e realização de microscopia eletrônica de transmissão. De acordo com os resultados obtidos observou-se que os embriões derivados de transferência nuclear de células somáticas e de partenogênese apresentaram grandes modificações na estrutura macro e microscópica. Nestes embriões, o tamanho estava reduzido, a massa celular interna não se apresentou de forma definida. Além disso, as organelas destes embriões, responsáveis por processos de absorção, comunicação, crescimento e metabolismo celular estavam em menor quantidade e tinham modificações quanto à forma, quando comparados aos resultados vistos nos embriões derivados de fertilização in vitro. Assim, verificamos que os blastocistos D7 derivados de transferência nuclear e partenogênese apresentaram graves modificações morfológicas, assim como verificou-se também nas células do hipoblasto dos embriões D14 e D16.
Título em inglês
Comparative analysis of hypoblast ultrastructure in bovine embryos (Bos indicus) in vitro Fertilization, Somatic Cell Nuclear Transfer and Parthenogenesis derived
Palavras-chave em inglês
in vitro Production
Embryo
Hypoblast
Ultrastructure
Resumo em inglês
In cattle, the embryo development is characterized by the apperance of two distinct cell layers, the trophectoderm and the inner cell mass. This latter one will siffer a differentiation to form the embryonic disc constituted by the epiblasto and hypoblast. The works on the morphological characterization of the epiblasto and hypoblast in cattle are needed because they may help to elucidate the causes of pregnancy loss, especially in cases of embryos derived from in vitro production. Considering this, the objective of this study was to characterize ultrastrcturally the bovine embryo at different stages of development with emphasis on the hypoblast cells. To do so, bovine embryos at 7, 14 and 16 days of pregnancies derived from in vitro production techniques were fixed for processing and performing transmission electron microscopy. According to the results observed that embryos derived from the nuclear transfer of somatic cells and from parthenogenesis showed significant changes in the macroscopic and microscopic structure. In these embryos, the size was reduced, the inner cell mass has not show a defined shape. Furthermore, the organelles from such embryos, responsible for the absorption processes, communication, growth and cellular metabolism were fewer in number and have changes in shape, when compared to the results seen in embryos derived from in vitro fertilization. Thus, we observed that the blastocyst D7 derived from nuclear transfer and from the parthenogenesis, showed severe morphological changes, as well as for the hypoblastic cells in the D14 and D16 embryos.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-04-05
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.