• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2005.tde-28062006-174523
Documento
Autor
Nome completo
Fernanda Rodrigues Agreste
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2005
Orientador
Banca examinadora
Bombonato, Pedro Primo (Presidente)
Kfoury Junior, José Roberto
Santana, Marcelo Ismar Silva
Título em português
Estudo quantitativo da vascularização do timo em cães
Palavras-chave em português
Cães
Morfometria
Sistema linfático
Timo (glândula endócrina)
Vascularização em animal
Resumo em português
Durante a vida fetal e no período neonatal, o timo é órgão de grande importância imunológica e, anatomicamente é o maior órgão linfático e com alta atividade linfopoiética, constando como precursor da linfopoiese. No que diz respeito à irrigação do timo em cães, a literatura é escassa, visto que os autores quando se reportam ao assunto fazem-no na sua maioria de maneira genérica. Com isso, aspectos morfológicos como número de vasos, tamanho do órgão foram estudados considerando as variáveis sexo e faixas etárias. Para este estudo, foram utilizados 24 fetos de cães domésticos, sem raça definida, machos e fêmeas, divididos em quatro grupos etários. Os timos foram processados para o estudo da microscopia de luz, e as análises estereológicas foram realizadas utilizando o método do disector físico associado com o princípio de ConnEulor. O volume do órgão (Vref), comprimento, espessura e largura aumentaram gradativamente com o desenvolvimento, sendo maior nos machos do que nas fêmeas. As variáveis estereológicas analisadas (densidade de comprimento do vaso - Lv, comprimento do vaso - L, densidade de superfície de área - Sv, superfície de área - S, estimação da densidade numérica vascular ? Nv(vasc) número total de vasos no órgão - N (vasc) ), tiveram um aumento gradativo, sendo que o Lv foi maior nas fêmeas e as demais os machos apresentaram maior valor. Aumento na Nv(vasc) e N (vasc) foi observado nos animais do grupo IV.
Título em inglês
Quantitative study of the thymus vascularization in dogs
Palavras-chave em inglês
Dogs
Lymphatic system
Morphometry
Thymus (endocrine gland)
Vascularization in animal
Resumo em inglês
During phoetal life and neonatal period, the thymus is the organ that has a wide immunological relevance and, anatomically speaking is the largest lymphoid organ presenting high limphopoietic activity presented as the predecessor of limphopoiesis. The literature about thymus irrigation in dogs is scarce, becouse most authors refer to the subject in a general way. Then, morphological aspects as number, shape, size, irrigation, and quantitative were study considering sexy and differents ages of development of the dogs. To the study, were used twenty-four fetus of the mongrel domestics dogs, males and females, divided into four different well defined aged groups (fetus 30, 40, 50 and 60 days). The thymus were processed for the light microscopy study, and the stereological analyses were done using the physical disector method associated with the ConnEulor principle. The volume of the organ, length, thickness and wide increased gradually with the development, in males is great that female. The stereological variables analysed (length density ? Lv, length od vascullar ? L, surface area density ? Sv, surface area ? S, vascullar number density ? N.v(vasc) , and vascullar total number - N. (vasc) ), had the gradual high, the Lv was more in female and the others variables were more in males. The rise of N.v(vasc) and N. (vasc) was observed on the group four animals.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
dissertacao.pdf (7.18 Mbytes)
Data de Publicação
2007-04-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.