• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2004.tde-14062004-164941
Documento
Autor
Nome completo
Paola Almeida de Araújo Góes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2004
Orientador
Banca examinadora
Barnabe, Valquiria Hyppolito (Presidente)
Guimarães, Marcelo Alcindo de Barros Vaz
Lopes, Maria Denise
Título em português
Características reprodutivas de emas (Rhea americana) criadas em cativeiro no Estado de São Paulo
Palavras-chave em português
animais de cativeiro
emas
sêmen animal (coleta)
Resumo em português
A ema (Rhea americana), é uma ave nativa da América do Sul, e pertence ao grupo das Ratitas. Considerando a importância comercial desse animal foram implantadas algumas biotecnologias reprodutivas, como coleta e avaliação de sêmen que ajudariam na preservação da espécie, assim como na disseminação de material genético. Nesse estudo utilizou-se 107 animais, dentro e fora da estação reprodutiva, com idade entre 3 e 4 anos, que encontravam-se no Estado de São Paulo, durante os anos de 2001, 2002 e 2003. Observou-se os animais para identificação de dominância. Os machos foram contidos em caixa de madeira adaptada e capuz preto. Após a contenção realizou-se a coleta de sêmen através de massagem digital. Os falos foram analisados quanto ao tamanho e formação de espiral. Alguns parâmetros seminais foram avaliados: volume, motilidade, concentração e número de espermatozóides por ejaculado. Foi coletado sangue da veia metatarsal, de animais dentro e fora da estação reprodutiva para dosagem de nível plasmático de testosterona. Dos 69 animais em estação reprodutiva, 44 apresentaram falos grandes e desses, 26 formaram espiral. A coleta de sêmen através de massagem digital mostrou-se eficiente para esses animais. O sêmen foi analisado quanto ao volume (0,68±0,14), motilidade (61,11±11,54%), concentração (3,29±1,33x109sptz/ml) e número por ejaculado (2,40±1,38x109sptz/ml) e foram descritas algumas patologias espermáticas. Encontrou-se diferença estatística significante (p=0,0161) de níveis plasmáticos de testosterona em animais dentro e fora da estação reprodutiva (53,28±18,41ng/ml e 5,57±3,81ng/ml, respectivamente). Foram relatadas variações de tamanho de falos em animais dentro e fora da estação e animais em estação reprodutiva. Observou-se que animais que apresentavam falos maiores e níveis plasmáticos de testosterona foram os considerados dominantes através de observações comportamentais. Os resultados do presente experimento confirmam a possibilidade de coleta de sêmen de emas e o seu uso em futuras biotecnologias como a inseminação artificial.
Título em inglês
Reproductive characteristics in captive rhea (Rhea americana) raised in São Paulo State
Palavras-chave em inglês
captive animal
rhea
semen animal (collection)
Resumo em inglês
The rhea (Rhea americana), a native bird from South America, belongs to the Ratite group. Considering the commercial significance of this animal were standardize some techniques such as semen collection. These techniques aim to optimize the reproductive traits of this animal and to allow the dissemination and preservation of the genetic material of this endangered specie. In this study, 107 male rheas were used. The animals were around 3 and 4 years old and were raised in São Paulo’s State commercial breeding. Semen collections were performed during breeding and non breeding seasons of 2001, 2002 and 2003. Animals were observed in order to detect hierarchic behavior. Contention was performed using a box and a black hood. Semen collection was performed through a digital pressure in the base of the phallus, which were observed in order to detect size and spiral shape. Immediately after collection semen samples were evaluated for volume, motility, sperm concentration and morphology. In a limited number of animals, blood samples were collected by the metatarsal vein in order to measure testosterone levels. Among 69 animals in breeding season, 44 showed larger phallus and among those, 26 showed spiral shape. The method of semen collection showed good results. Semen was then evaluated for volume (0.68±0.14 ml), motility ( 61.11±11.54%), sperm concentration (3,29±1,33x109sptz/ml) and number of spermatozoa per ejaculate (2.40±1.38x109sptz/ml). Morphological abnormalities were analyzed and accounted. Statistical differences (p=0.0161) were found for testosterone levels between animals during breeding and non-breeding season (53.28±18.41ng/ml e 5.57±3.81ng/ml, respectively). It was observed that animals showed variations in phallus size during breeding and non-breeding seasons. A relationship was found between animals with larger phallus and higher testosterone levels and dominant behavior. Results of the present experiment confirmed the possibility of collecting semen from rheas in order to use it in future biotechnologies such as artificial insemination.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
paolagoes.pdf (1.47 Mbytes)
Data de Publicação
2004-09-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.