• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.10.2015.tde-12082015-154144
Documento
Autor
Nome completo
Daniela Magalhães Drummond de Mello
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Oliveira, Claudio Alvarenga de (Presidente)
Dias, José Luiz Catão
Silva, Vera Maria Ferreira da
Vicente, Wilter Ricardo Russiano
Wedekin, Leonardo Liberali
Título em português
Uso de gordura subcutânea como matriz biológica na dosagem de esteroides sexuais em baleias jubarte (Megaptera novaeangliae)
Palavras-chave em português
Megaptera novaeangliae
Esteroides sexuais
Estradiol
Progesterona
Testosterona
Resumo em português
O presente estudo avaliou a possibilidade de extração e dosagem de esteroides sexuais em amostras de gordura de carcaças e biópsias de baleia jubarte. A progesterona (P4), testosterona (T) e estradiol (E2) puderam ser dosados em todas as amostras pela técnica de enzimaimunoensaio. Amostras de carcaças foram utilizadas para validação da colheita. Uma série de experimentos foi realizada a fim de se avaliar: se o estado de decomposição da amostra altera os níveis hormonais; se os níveis de hormônios são diferentes em diferentes locais amostrados; se a profundidade de colheita (camadas externa, média e interna) altera os níveis hormonais; e finalmente o efeito do tamanho da amostra sobre as dosagens de hormônio. Todos estes elementos podem influenciar de maneira significativa a dosagem final. Também foram realizadas colheitas por meio de biópsias em 2011 e 2012 em área de reprodução no Atlântico Sul o Parque Nacional Marinho de Abrolhos e seu entorno; e em área de alimentação em 2011 e 2012 no Pacífico Sul o Parque Marino Francisco Coloane e seu entorno - localizado na Patagônia chilena. Como esperado, fêmeas apresentaram médias mais elevadas de P4 e E2 que machos, e machos apresentaram médias mais elevadas de T que fêmeas. Também foi observada sazonalidade reprodutiva com níveis mais elevados T em machos adultos em área de reprodução, especialmente nos meses de setembro e outubro. Os níveis de E2 em áreas de alimentação foram mais elevados que em área de reprodução tanto em machos quanto em fêmeas. Esta aparente inversão dos níveis de E2 com relação ao estado reprodutivo deve-se provavelmente ao tempo de metabolização deste hormônio na gordura. Algumas fêmeas adultas acompanhadas e desacompanhadas de filhotes apresentaram nível de P4 compatível com níveis de prenhez em outras espécies de cetáceos. Alguns dos animais biopsados tiveram seu comprimento corporal estimado através de fotogrametria. A menor fêmea acompanhada de filhote mediu 10.21 metros. Machos e fêmeas não apresentaram comprimentos corporais diferentes entre si, 12.96 e 12.04 metros, respectivamente. O tecido adiposo mostrou-se como uma matriz viável para dosagens de esteroides sexuais e estudos acerca da fisiologia reprodutiva de baleias de vida livre. A dosagem de hormônio da camada de gordura tem o potencial de indicar variações sazonais, estados de prenhez, picos de testosterona em machos, e diferenças entre machos e fêmeas. Quando combinada com comprimento corporal e história de vida, a dosagem hormonal pode promover informações ainda mais robustas acerca do estado reprodutivo dos indivíduos de determinada população.
Título em inglês
Use of blubber as matrix to measure sexual steroid levels of humpback whales (Megaptera novaeangliae)
Palavras-chave em inglês
Megaptera novaeangliae
Estradiol
Progesterone
Sex steroids
Testosterone
Resumo em inglês
The current study evaluated the possibility of extracting and measuring steroid hormones from the blubber of carcasses and living animals. Progesterone (P4), testosterone (T) and estradiol (E2) were successfully measured trough enzimaimunoassay technique. Stranded animals were sampled to validate the blubber collection. A set of experiments were performed: whether the state of decomposition of fat affects hormone levels; whether the body region from which samples were collected affects the levels of P4, E2, and T; whether the depth of the layer selected (outer, middle, inner) affects hormone levels; and finally the size of sample effect on hormone levels. All of these four elements can potentially alter the measurement final results. Also, biopsy sampling were done at a South Atlantic breeding Area, National Marine Park Abrolhos in 2011 and 2012; and in one feeding area, the Marine Park Francisco Coloane, locate at Chilean Patagonia. As expected females had higher P4 and E2 means compared to males, and males exhibited higher means of T than females. Also a reproductive seasonality was detected in E2 and T levels. T levels were higher in adult males during breeding season, especially in September and October. E2 were higher in both females and males during feeding season. This apparent inversion of E2 level to the reproductive condition is probably a result of the lag of the hormone from blood to blubber and the time for its metabolism to occur. Part of the adult females with calves and without calves had P4 levels similar to some pregnant cetacean species. Some of the biopsied animals had their body length estimated. The smallest female with calf had 10.21 meters. Males and females did not differ in total body length: 12.96 and 12.04 respectively. The bubbler showed to be a feasible biological matrix to measure sex hormones from free ranging humpback whales, and can indicate differences among sexes and reproductive states. When combined with total body length and life history, the hormone measurements can provide robust information on reproductive state of individuals.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-08-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.