• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
https://doi.org/10.11606/T.96.2020.tde-09022021-102559
Documento
Autor
Nombre completo
Gabriel Tamancoldi Couto
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Ribeirão Preto, 2020
Director
Tribunal
Gomes, Fabio Augusto Reis (Presidente)
Bertolai, Jefferson Donizeti Pereira
Brito, Ricardo Dias de Oliveira
Ferreira, Alex Luiz
Guillén, Osmani Teixeira de Carvalho
Soave, Gian Paulo
Título en portugués
Custos de bem-estar da incerteza macroeconômica e estimação de parâmetros de preferência
Palabras clave en portugués
Aversão ao risco
Bens duráveis
Custo de bem-estar da incerteza macroeconômica
Formação de hábito
Não-homoteticidade
Serviços
Resumen en portugués
Este trabalho está dividido em duas partes. A Parte I se dedica ao estudo do custo de bem-estar da incerteza macroeconômica a partir de preferências pouco exploradas ou mesmo inexploradas nessa área de pesquisa. O Capítulo 3 estima este custo a partir de uma função utilidade que permite a formação de hábito. Uma vez que este tipo de formulação gera maior desutilidade em mudanças no padrão de consumo, investigamos seu impacto sobre o custo de bem-estar da incerteza macroeconômica, que é estimado considerando-se ora que o consumo segue um processo tendência estacionário, ora um processo diferença estacionário. Os resultados apontam custos relativamente baixos em ambos os casos para uma grade de parâmetros. Adicionalmente, o custo tende a cair quanto maior a intensidade da formação de hábito nas preferências. O Capítulo 4 estima o custo de bem-estar da incerteza macroeconômica a partir de uma função utilidade que considera o consumo de bens não duráveis, duráveis e serviços de maneira separada. Como os bens duráveis possuem maior volatilidade nas diferentes etapas dos ciclos econômicos em relação aos demais tipos de bens, sua inclusão tem potencial para elevar o custo de bem-estar. Consideramos ora que o consumo dos três tipos de bens segue processos tendência estacionários, ora processos diferença estacionários. Os resultados mostram custos relativamente baixos para ambos os casos. Para algumas combinações de parâmetros, o custo cai com a inclusão de bens duráveis na função, o que provavelmente está relacionado à possibilidade de estocagem deste tipo de bem, atuando como uma forma de seguro para o agente representativo em períodos de crise. A Parte II tem por objetivo estimar os parâmetros estruturais de preferência de uma função utilidade que considera separadamente o consumo de bens não duráveis, duráveis e serviços. A função admite ainda a possibilidade de as preferências não serem homotéticas, uma vez que há um descolamento no consumo de bens duráveis em relação aos outros tipos de bens ao longo do tempo. Além disso, verificamos se a agregação entre não duráveis e serviços gera algum tipo de viés nas estimativas dos parâmetros estruturais. Os resultados apontam para a presença de não-homoteticidade tanto nos bens duráveis como nos serviços. Adicionalmente, verifica-se queda nas estimativas da elasticidade de substituição intertemporal quando os bens são incluídos separadamente na função utilidade.
Título en inglés
Welfare costs of macroeconomic uncertainty and estimation of preference parameters
Palabras clave en inglés
Durable goods
Habit formation
Non-homoteticity
Risk aversion
Services
Welfare cost of macroeconomic uncertainty
Resumen en inglés
This work is divided into two parts. Part I is dedicated to the study of the welfare cost of macroeconomic uncertainty based on preferences that are little explored or even unexplored in this area of research. Chapter 3 estimates this cost based on a utility function that admits habit formation. Since in this type of formulation changes in the consumption pattern generate greater disutility, we investigate its impact on the welfare cost of macroeconomic uncertainty, which is estimated considering either that consumption follows a trend stationary process, or a difference stationary process. The results point to relatively low costs in both cases for a grid of parameters. In addition, the cost tends to fall as the intensity of habit formation in preferences rises. Chapter 4 estimates the welfare cost of macroeconomic uncertainty based on a utility function that considers the consumption of services, non-durable and durable goods separately. As durable goods are more volatile at different stages of economic cycles than other types of goods, their inclusion has the potential to raise the welfare cost. We consider that consumption of the three types of goods follows either trend stationary processes, or difference stationary processes. The results show relatively low costs for both cases. For some combinations of parameters, the cost falls with the inclusion of durable goods in the function, which is probably related to the possibility of stocking this type of asset, whitch acts as an insurancefor the representative agent in times of crisis. Part II aims to estimate the structural preference parameters for a utility function that considers the consumption of services, non-durable and durable goods separately. The function also admits the possibility that preferences are non-homothetic, since there is a growing gap between the consumption of durable goods and the other types of goods over time. In addition, we verified whether the aggregation between non-durables and services generates any kind of bias in the estimates of structural parameters. The results point to the presence of non-homoteticity in both durable goods and services. Additionally, estimates of intertemporal elasticity of substitution fall when the three types of goods are included separately in the utility function.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2021-03-22
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.