• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.91.2012.tde-11072012-095750
Documento
Autor
Nome completo
Vinícius Soares Antunes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2012
Orientador
Banca examinadora
Duarte, José Maurício Barbanti (Presidente)
Giné, Gastón Andrés Fernández
Vogliotti, Alexandre
Título em português
Área de uso e seleção de habitats por veado-catingueiro (Mazama gouazoubira; Fisher, 1814) no Pantanal de Nhecolândia-MS
Palavras-chave em português
Área de uso
Nhecolândia
Pantanal
Seleção de habitats
Telemetria
Veados
Resumo em português
O espaço físico é uma das principais dimensões do nicho de uma espécie uma vez que a maneira como é utilizado determina uma série de interações ecológicas com o ambiente. No presente estudo estimou-se o tamanho da área de uso e a seleção de habitats considerando duas escalas de seleção (2a e 3a ordem) pelo veado-catingueiro (Mazama gouazoubira) na sub-região de Nhecolândia, Pantanal sul-matogrossense. Foram capturados e utilizados 3 indivíduos de veadocatingueiro nas análises. Rádio-colares VHF (telemetria convencional) e colares GPS (telemetria digital) foram utilizados para determinação das localizações dos animais. O período total de monitoramento foi de 6 meses e abrangeu o final da estação seca e início da estação chuvosa dos anos 2010-2011. A telemetria digital em um dos indivíduos monitorados (veado-controle) permitiu corrigir e simular projeções no tamanho da área dos indivíduos monitorados pela telemetria convencional. O veado-catingueiro apresentou uma área média de 73,2 ± 32,9 ha pelo método do mínimo polígono convexo considerando a correção das áreas obtidas pela telemetria VHF. Na escala de 2a ordem de seleção de habitat a categoria floresta (cordilheiras e capões de mata) foi a única selecionada positivamente pelos indivíduos analisados. A seleção foi testada através do teste do qui-quadrado de qualidade de ajustamento e utilizando o intervalo de confiança de Bonferroni. Na escala de 3a ordem, apesar de não haver diferença significativa do uso das categorias de vegetação em relação à disponibilidade, as áreas abertas como os campos e bordas de baía foram habitats importantes no que se refere à obtenção de recursos forrageiros. Concluiu-se que o veado-catingueiro é uma espécie de cervídeo que necessita de uma área relativamente pequena para suprir seus requerimentos e tem as cordilheiras e os capões de mata como habitat de suma importância no que se refere a alocação de sua área de uso.
Título em inglês
Area of use and habitat selection by brown brocket deer (Mazama gouazoubira, Fisher, 1814) in the Nhecolândias Pantanal-MS
Palavras-chave em inglês
Deer
Habitat selection
Nhecolândia
Pantanal
Telemetry
Use area
Resumo em inglês
The physique space is a major dimensions of the niche of a species as the way is used for determining a series of interactions with the ecological environment. In the present study we estimated the size of the home range and habitat selection considering two scales of selection (second and third order) by brown brocket deer (Mazama gouazoubira) in the sub-region Nhecolândia, Pantanal, Mato Grosso do Sul state. Were captured and used three individuals brown brocket deer in the analyzes. VHF radio-collars (conventional telemetry) and collars GPS (digital telemetry) were used to determine the locations of the animals. The total period of monitoring was 6 months and covered the late dry season and rainy season of the year 2010-2011. The digital telemetry from individuals monitored (control deer) allowed a simulated projections in the surface area of conventional subjects monitored by telemetry. The deer brown brocket showed an average area of 73.2 ± 32.9 ha by the minimum convex polygon method considering the correction of areas obtained by VHF telemetry. On the scale of the second order of selection forest habitat category (chains and capons of forest) was the only positively selected by the individuals analyzed. The selection was tested using the chi-square goodness of fit and using the Bonferroni confidence interval. On the scale of the third order, although no significant difference in the use of categories of vegetation in relation to the availability, open areas like fields and edges of the bay habitats were important with regard to obtaining forage resources. It was concluded that the deer brown brocket is a species of deer that requires a relatively small area to meet your requirements and has the chains and capons of forest as a habitat of great importance as regards the allocation of its area of use.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-07-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.