• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.91.2017.tde-09082017-172336
Documento
Autor
Nome completo
Gustavo da Cunha Sant'Ana
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2017
Orientador
Banca examinadora
Molina, Silvia Maria Guerra (Presidente)
Garavello, Maria Elisa de Paula Eduardo
Lui, Gabriel Henrique
Título em português
Mudanças no uso da terra e nos modos de vida de assentados rurais no Alto Xingu
Palavras-chave em português
Alto Xingu
Assentados rurais
Modos de vida
Paisagem
Uso da terra
Resumo em português
Historicamente, a produção agropecuária na Bacia Hidrográfica do Alto Xingu esteve voltada aos grandes mercados. Nas últimas décadas, observa-se uma importante mudança no uso da terra, dada pela expansão do cultivo de grãos para exportação (como soja e milho) em detrimento das áreas de pastagens. A transição do modo de produção na região atinge inclusive os pequenos produtores e assentados rurais, a despeito da limitação de terras para a produção em grande escala e de sua vulnerabilidade socioeconômica. Especial atenção é dada aos assentados rurais devido às peculiaridades relacionadas à ocupação territorial, as quais acabam por diferenciar a dinâmica de uso da terra, o que afeta, sobretudo, os seus modos de vida. Diante desta problemática, este estudo objetiva identificar as diferentes variáveis que contribuem para o atual contexto de mudança no uso da terra em um assentamento rural localizado no município de Água Boa (MT) e como este fenômeno se relaciona com a manutenção ou não dos modos de vida dos assentados. Os dados foram coletados a partir de entrevistas abertas, não estruturadas e em profundidade em quarenta domicílios rurais. Resultados mostram que a mudança no uso da terra pela expansão do cultivo de grãos ocorre no assentamento da mesma forma que o observado na paisagem da região do Alto Xingu. A mudança do uso da terra no P.A. Jaraguá está vinculada a uma tentativa de superar limitações produtivas, como pastagens degradadas, dificuldades de acesso à água e a capital financeiro para investimentos na produção agropecuária. Como consequência, a área destinada ao cultivo de grãos tem substituído as pastagens e o arrendamento e a comercialização de lotes rurais têm sido estimulados para que este novo modo de produção seja viabilizado, pelo menos em curto prazo. Assim, a expansão da agricultura intensiva de grãos e os efeitos do aumento generalizado dos preços das terras agricultáveis são importantes drivers na tomada de decisão dos assentados sobre o uso da terra. Os resultados apontam que esse contexto é estruturado por (ao mesmo tempo em que também estrutura) novos modos de vida no assentamento, caracterizados por fenômenos socioeconômicos como o envelhecimento rural, a maior participação da aposentadoria e da prestação de serviços (agropecuários ou não, formais ou informais) na geração de renda família e o êxodo rural.
Título em inglês
Land use changes and livelihoods transformations among Upper Xingu rural settlers
Palavras-chave em inglês
Land use
Landscape
Livelihood strategies
Rural settlers
Upper Xingu
Resumo em inglês
Historically, agricultural production in the basin of the Upper Xingu has been geared to large markets. In recent decades, there has been a major change in land use, given the expansion of grain crops export (such as soybeans and corn) to the detriment of pasture areas. The transition of mode of production in the region can even reach small farmers and rural settlers, despite land limitation for large-scale production and smallholders producers' vulnerability. In this study, particular attention is given to rural settlers due to the peculiarities related to land occupation, which eventually differentiates the dynamics of land use, affecting substantially their way of life. Faced with this problem, this study aims to identify the different variables that contribute to the current context of change in land use in a rural settlement located in the municipality of Água Boa (MT) and how this phenomenon is related to the maintenance or not of settlers' livelihood strategies. Data were collected from unstructured in-depth interviews in forty rural households. Results show that the change in land use for the expansion of grain cultivation occurs in the settlement the same way as observed in the landscape of the Upper Xingu region. The change in land use in P.A. Jaraguá might be related to an attempt to overcome production constraints such as degraded pastures, problems with water access and financial investments in agricultural production. As a result, pastures have been replaced by areas devoted to grain crops. Moreover, the lease and sale of rural lots have been stimulated in order to make this new mode of production possible, at least, in the short term. Thus, the expansion of intensive grain cultivation and the effects of increasing general prices of agricultural land are important drivers in the settlers' decision making on land use. The results show that while this context structures new livelihood strategies in the settlement, it has also been structured by them. In addition, such context has been characterized by some socioeconomic phenomena such as rural aging, larger rates of retirement, rural exodus, and the provision of services in the generation of family income , whether it be agricultural or not, formal or informal.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-08-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.