• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.9.2020.tde-19032020-120507
Documento
Autor
Nome completo
Robson Vicente Machado de Oliveira
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2004
Orientador
Banca examinadora
Ohara, Mitsuko Taba (Presidente)
Gonçalves, Marcos Moisés
Kedor-Hackmann, Erika Rosa Maria
Pinto, Terezinha de Jesus Andreoli
Vila, Marta Maria Duarte Carvalho
Título em português
Avaliação in vitro de óleos brasileiros como promotores de penetração cutânea do 5-hidroxi-2-(hidroximetil)-4-pirona (ácido kójico)
Palavras-chave em português
Ácido kójico
Andiroba
Babaçu
Controle biológico de qualidade dos medicamentos
Copaíba
Cosméticos (Estudo in vitro)
Cosmetologia
Estudo de difusão
Farmacocinética
Farmacotécnica
Muda de pele de cobra
Óleos
Promotor de penetração
Resumo em português
O objetivo deste trabalho foi avaliar, pelos estudos de difusão, os óleos de copaíba, andiroba e babaçu, como promotores de penetração do despigmentante ácido kójico, através dos ensaios de pré-tratamento por 1 hora, veiculados em soluções de álcool isopropílico:propilenoglicol 95:5 v/v nas concentrações a 50 e 25% v/v e seguido de aplicação de solução aquosa de ácido kójico 3,9% p/v por até 22,5 horas, ou, pelos ensaios de tratamento, para o óleo de copaíba incorporado em creme "lanette a 50 e 25% v/p, e adicionado de 3,9% p/p de ácido kójico. Controles foram preparados substituindo-se o óleo por água destilada. Foi utilizado o sistema composto por células de difusão com fluxo estático, membranas de muda de pele de cobra Crotalus durissus terrificus e solução salina a 34ºC como fluido receptor. A concentração de despigmentante liberada nesse fluido foi avaliada em intervalos de tempo de 1,5 horas, através de um método espectrofotométrico previamente validado. As soluções de óleo de copaíba 50 e 25% v/v apresentaram os maiores valores de fluxo e permeabilidade, correspondentes a 12,717 e 7,949 µg/cm2/h, e 3,261 e 2,038 cmx10-4/h, e fatores de promoção equivalentes a 3.78 e 4,05, respectivamente. As formulações com óleo de copaíba 50 e 25% v/v e ácido kójico 3,9% p/p apresentaram valores de 4,548 e 2,176 µg/cm2/h, e 1,166 e 0,558 cmx10-4/h, para fluxo e permeabilidade, e fatores de promoção equivalentes a 2,16 e 1,18, respectivamente.
Título em inglês
Avaliação in vitro de óleos brasileiros como promotores de penetração cutânea do 5-hidroxi-2-(hidroximetil)-4-pirona (ácido kójico)
Palavras-chave em inglês
Andiroba
Babassu
Controle biológico de qualidade dos medicamentos
Copaíba
Cosméticos (Estudo in vitro)
Cosmetologia
Farmacocinética
Farmacotécnica
Kojic acid
Oil
Penetration enhancer
Permeation study
Shed snake skin
Resumo em inglês
The aim of this work was to evaluate, using permeation studies, the copaiba, andiroba and babassu oils, like penetration enhancers for the depigmenting agent kojic acid, under 1 hour pre-treatment with solutions containing 50 and 25% v/v of these oils in a mixture of isopropilic alcohol:propylene glycol (95:5 v/v), and after that, 22.5 hour treatment with aqueous solution of kojic acid 3.9% w/v, or, in the case of copaiba oil, treatment with "lanette" cream plus these oils at 50 and 25% v/w, and added with 3.9% w/w of kojic acid. Controls were made changing the oils with distillated water. lt was used the static cells permeation system, Crotalus durissus terrificus shed snake skin membranes and saline solution at 34ºC like receptor fluid. The permeated depigmenting agent concentration in the receptor fluid was determined at 1.5 hour constant intervals by a pre-validated spectrophotometric method. The copaiba oil 50 and 25% v/v solutions showed greatest flux and permeability values, equal to 12.717 and 7.949 µg/cm2/h, or 3.261 and 2.038 cmx10-4/h, and resulting in enhancement factors of 3.78 and 4.05, respectively. The formulations including copaiba oil 50 and 25% v/w and kojic acid 3.9% w/w, showed 4.548 and 2.176 µg/cm2/h or 1.166 and 0.558 cmx10-4/h for flux and permeability, and enhancement factors equal to 2.16 and 1.18, respectively.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-03-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.