• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.9.2001.tde-02102008-092955
Documento
Autor
Nome completo
Maria Rosecler Miranda Rossetto
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2001
Orientador
Banca examinadora
Cordenunsi, Beatriz Rosana (Presidente)
Lima, Giuseppina Pace Pereira
Nascimento, João Roberto Oliveira do
Título em português
Efeito do ácido giberélico no metabolismo amido-sacarose durante o amadurecimento da banana (Musa acuminata var. Nanicão)
Palavras-chave em português
Ácido giberélico
Banana
Enzimas
Resumo em português
O amadurecimento é uma etapa exclusiva do estágio de desenvolvimento dos frutos, que envolve uma série de transformações metabólicas a partir de diferentes fontes de energia. Ele é mediado por um dinâmico complexo enzimático, resultando em síntese/degradação e conversão de compostos que tornarão o fruto aceitável para o consumo. Dependendo do tipo de fruto, essa fonte de energia pode ser na forma de ácidos orgânicos, sacarose vinda da própria planta e na forma de amido. A banana (Musa acuminata) é uma fruta de comportamento climatérico que utiliza como principal fonte de carbono o amido, que é reduzido durante o climatério de teores que variam de 12 a 20% a menos de 1 %. Concomitante à esta degradação, o teor de sacarose pode atingir até 15%, dependendo da cultivar. O ácido giberélico (GA3) é um fitohormônio da família das giberelinas que tem sido muito estudado em cereais por aumentar a transcrição gênica das α-amilase. Em frutos, ele é responsável por manter a textura firme e o teor de sólidos solúveis, e atrasar o amadurecimento. Ao estudar a influência do GA3 no metabolismo amido-sacarose em fatias de banana, observou-se neste trabalho que o fitohormônio não alterou o pico respiratório nem a síntese de etileno. Entretanto, atrasou a degradação do amido e o acúmulo de açúcares solúveis por três dias. Este atraso foi acompanhado pela diminuição/atraso na atividade das enzimas que degradam o amido e sintetizam sacarose, α e β-amilase e sacarose fosfato sintase, respectivamente, sendo que não foi observada uma diferença no aumento de expressão gênica da sacarose fosfato sintase e das fosforilases.
Título em inglês
Effects of gibberellic acid on metabolism starch-sucrose during banana ripening (Musa acuminta var. Nanicão)
Palavras-chave em inglês
Banana
Enzymes
Gibberellic acid
Resumo em inglês
The ripening is an exclusive stage of fruit development, that involves a serie of metabolic transformation from different energy source. It is mediated by a dynamic enzymatic complex, resulting in formation/degradation of different coumpouds that will render fruit acceptable for the consumption. Depending on the type of fruit, this energy source can be in the form of organic acid, sucrose of the plant or starch. Banana (Musa acuminata) is a climateric fruit that uses starch as main carbon source, which is reduced during banana ripening of levels that vary from 12 to 20% to less than 1 %. Concomitant to the this degradation, the levels of sucrose can reach up to 15%, depending of the cultivar. The gibberellic acid, GA3-mediated is a plant growth regulation of the giberellins family, that has been studied in cereals because of their enhancing effect of gene expression of αamylase. In fruits, it is responsible for keeping the texture firm and the soluble solid levels, and delaying the ripening. The influence of the GA3 in the starch-sucrose metabolism in banana slices, were observed. That the phytohormone did not modify the respiratory peak nor the synthesis of ethylene. However, it delayed the starch degradation and the soluble sugars accumulation for about three days. This delay was followed by decrease and/or delay in the activity of the enzymes related to starch degradation: the α and β-amylases; and sucrose synthesis the sucrose phosphate synthase (SPS). However, was not observed a difference in the increase of gene expression of SPS and phosphorilase
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-10-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.