• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.85.2020.tde-15092020-100035
Documento
Autor
Nome completo
Caroline Rodrigues Albuquerque
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2020
Orientador
Banca examinadora
Maihara, Vera Akiko (Presidente)
Ho, Fanly Fungyi Chow
Saueia, Cátia Heloisa Rosignoli
Título em português
Avaliação de elementos essenciais e tóxicos em algas marinhas comestíveis e em seus derivados usados na indústria alimentícia
Palavras-chave em português
algas marinhas
elementos essenciais
elementos tóxicos
Resumo em português
Neste estudo, foram determinadas as concentrações dos elementos As, Br, Ca, Cd, Cl, Co, Cr, Cu, Fe, I, K, Mg, Mn, Na, Pb e Zn pelas técnicas de Análise por Ativação Neutrônica Instrumental (INAA) e Espectrometria de Absorção Atômica com Forno de Grafite (GF AAS) em 24 amostras de algas marinhas comestíveis e derivados que foram adquiridas na cidade de São Paulo. Foram analisadas as seguintes espécies de algas comestíveis: Nori (Porphyra umbilicalis); Hijiki (Hijikia fusiforme); Kombu (Laminaria sp.) e Wakame (Undaria pinnatifida) dos seguintes países: China, Estados Unidos, Japão e Coreia do Sul. Os derivados analisados foram Ágar, Carragenana e Alginato de sódio. Os valores de ingestão dietética foram calculados baseados no consumo diário de 3,3 gramas de alga e mostraram-se abaixo dos valores de limite de tolerância para Cd e As. Para a maioria dos elementos essenciais, a alga não foi considerada uma boa fonte desses elementos, exceto para o I. Os valores de ingestão dietética para o I ultrapassaram os valores de limites tolerável (UL) para as espécies Hijikia fusiforme, Laminaria sp e Undaria pinnatifida. Em relação aos derivados das algas, foi possível concluir, que os mesmos não apresentam riscos para a saúde, em relação aos elementos tóxicos e potencialmente tóxicos, uma vez que apresentam baixas concentrações para a maioria dos elementos analisados.
Título em inglês
Evaluation of essential and toxic elements in edible seaweeds and their derivatives used in the food industry
Palavras-chave em inglês
essential elements
seaweeds
toxic elements
Resumo em inglês
In this study, the concentration of the As, Br, Ca, Cd, Cl, Co, Cr, Cu Fe, I, K, Mg, Mn, Na, Pb and Zn were determined in 24 edible seaweed and 3 derivative samples by means of Instrumental Neutron Activation Analysis (INAA) and Graphite Furnace Atomic Absorption Spectrometry (AAS GF) techniques. The seaweed samples were acquired in different commercial points of São Paulo city The following species of edible algae were analyzed: Nori (Porphyra umbilicalis); Hijiki (Hijikia fusiforme); Kombu (Laminaria sp.) and Wakame (Undaria pinnatifida) from the following countries: China, USA, Japan and South Korea. The seaweed derivatives analyzed were: Agar, carrageenan and sodium alginate. The daily ingestion values were calculated considering a daily ingestion of 3.3 g of seaweed and the obtained results were under of tolerable values for Cd and As. For the most of essential elements, the seaweed samples analyzed were not considered as good sources of these essential elements, except for I. The dietetic ingestion values for I exceeded the tolerable limits (UL) for Hijikia fusiforme, Laminaria sp and Undaria pinnatifida species. In relations to Agar, a derivative of red seaweed, was possible to conclude that its consumption does not represent risks for health in relation to I and As, since these seaweeds presents low concentration of these elements.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-09-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.