• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.84.2019.tde-10122019-162306
Documento
Autor
Nome completo
Mariela Loreto Pizarro Sippa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Silva, Dilma de Melo (Presidente)
Campos, Claudio Henrique Altieri de
Vilardaga, Stella Maris Scatena Franco
Título em espanhol
Mujeres en la música tradicional: inclusión y participación en el contexto urbano - Lakitas Matriasaya, Ilú Oba de Min
Palavras-chave em espanhol
Contexto urbano
Mujer percusionista
Mujer Sikuri
Música tradicional
Resumo em espanhol
La presente investigación tiene como objetivo visualizar como ha sido proceso de inserción y aprendizaje de dos grupos musicales formados por mujeres que han actuado en espacios antes considerados del dominio masculino. Interesará conocer el origen y desarrollo de los dos grupos: Lakitas Matriasaya en Chile e Ilú Obá de Min en Brasil, en sus respectivos contextos, y principalmente en relación a la transformación de estos espacios como medio de fortalecimiento femenino a través de la creación de un nuevo concepto sobre estas tradiciones musicales. Para ese fin se propone una investigación de carácter cualitativo y descriptivo con foco en metodología comparativa para identificar semejanzas y diferencias de estas agrupaciones en el contexto urbano, como también confluencias y divergencias. Por lo tanto, para obtener las informaciones, la fuente principal son las entrevistas etnográficas. Además, la observación participante y los diarios de campo, complementan el carácter reflexivo de éste, siendo fundamental para permitir comprender los actores sociales, en este caso se trata de mujeres sopladoras y percusionistas, así como también la significación de la música y la desconstrucción de algunas dicotomías no sólo en el mundo social. Esta pesquisa pretende develar nuestra mirada, para comprender las motivaciones y mecanismos que utilizan las mujeres para incluirse en estos espacios musicales, y como estos sirven como herramienta de fortalecimiento de las mujeres e la solidaridad femenina, así como también un medio de difundir la cultura en el contexto urbano.
Título em português
Mulheres na música tradicional: inclusão e participação no contexto urbano - Lakitas Matriasaya, Ilú Obá de Min
Palavras-chave em português
Contexto urbano
Mulher percussionista
Mulher Sikuri
Música tradicional
Resumo em português
A presente pesquisa tem como objetivo visualizar como foi o processo de inserção e aprendizado de dois grupos musicais formados por mulheres que tem atuado em espaços antes considerados do domínio masculino. Interessará conhecer a origem e desenvolvimento dos dois grupos: Lakitas Matriasaya no Chile e Ilú Obá de Min no Brasil, em seus respectivos contextos, e em sobretudo no que diz respeito à transformação destes espaços como meio de fortalecimento feminino e através da criação de um novo conceito sobre estas tradições musicais. Este estudo busca definir quais seriam os principais motivos para a criação de espaços femininos, identificar as práticas dentro do contexto urbano, e o nexo com a comunidade, bem como sua permanência e continuidade no tempo, na medida que são fortalecidos do individual para o coletivo e como transformam sua realidade e práticas musicais. Para esse fim propõe-se uma pesquisa de caráter qualitativo e descritivo com foco na metodologia comparativa para identificar semelhanças e diferenças destas agrupações no contexto urbano, bem confluências e divergências. Portanto, para obter as informações, a entrada principal, foram entrevistas etnográficas. Além disso, a observação participante e os diários de campo complementam o caráter reflexivo deste, para permitir compreender as sujeitas sociais, neste caso trata-se das mulheres sopradoras e ritmistas, bem como; a significação da música e a desconstrução de algumas dicotomias, não somente no mundo social. Esta pesquisa pretende desvelar nosso olhar para compreender as motivações e mecanismos que utilizam as mulheres para se inserir justamente nestes espaços musicais e como eles podem servir de ferramenta para o fortalecimento das mulheres e a solidariedade feminina, assim como meio de divulgação cultural no contexto urbano.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-12-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.