• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Caroline Guilherme
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Carvalho, Emilia Campos de (Presidente)
Berenguer, Sílvia Maria Alves Caldeira
Nascimento, Lucila Castanheira
Oliveira, Ana Railka de Souza
Panobianco, Marislei Sanches
Título em português
Efeito da intervenção de Enfermagem Apoio Espiritual na espiritualidade e nos parâmetros clínicos de mulheres com câncer de mama: ensaio clínico randomizado
Palavras-chave em português
Enfermagem
Espiritualidade
Neoplasias da Mama
Relaxamento
Terapias Espirituais
Resumo em português
O câncer é uma doença estigmatizada na qual os pacientes passam por diferentes tipos de tratamentos agressivos gerando conflitos não só orgânicos mas psicológicos e espirituais. Por ser a espiritualidade uma das formas utilizadas para expressar e reconhecer a própria existência, muitas mulheres com câncer de mama procuram atividades que proporcionem a expressão de sua espiritualidade e favoreçam sua conexão com a valorização e significado da vida. Foi objetivo avaliar o efeito da intervenção de enfermagem Apoio espiritual sobre a espiritualidade e os parâmetros clínicos de pacientes com câncer de mama. A pesquisa é um Ensaio Clínico Randomizado, cujo grupo experimental recebeu Apoio espiritual (composto de Relaxamento respiratório, Música, Imagem Guiada e Meditação) e o grupo controle o Relaxamento respiratório. Foram incluídas as pacientes que apresentaram no instrumento ECOG escore 3; que possuíam escores 14 a depender da escolaridade no Mini Exame do Estado Mental; sem registro de problemas psiquiátricos como alucinações; que não participavam de terapias complementares; que referiram um ser espiritual de referência e tinham realizado mastectomia nos últimos 5 anos. Foi utilizado o instrumento de espiritualidade de Pinto e Pais Ribeiro para avaliação da espiritualidade e um monitor multiparamétrico para verificar a pressão arterial sistólica e diastólica, a frequência cardíaca e a saturação de oxigênio. Participaram do estudo 27 mulheres em tratamento para o câncer de mama, 14 fizeram parte do grupo controle e 13 do grupo experimental. Após as intervenções identificou-se que não houve diferença estatística no escore total da escala de espiritualidade, mas houve aumento do escore médio de "esperança/otimismo" da subescala de espiritualidade no grupo experimental se comparado ao grupo controle (p=0,040). A frequência cardíaca apresentou diferença estatística quando comparado antes e após a intervenção no grupo experimental no primeiro dia de intervenção (p=0,014) e no terceiro dia (p=0,032). No primeiro dia, após realizada a intervenção, houve também diferença estatística entre os grupos para esta variável (p=0,038) ocorrendo o mesmo no terceiro dia (p=0,017). A saturação de oxigênio diminuiu no grupo controle no segundo dia após a intervenção (p=0,039), mas se observou a resposta fora dos parâmetros em uma paciente. Quando excluído tal valor, a diferença não se sustentou na análise dos demais dados deste dia. A pressão arterial não apresentou diferença estatística em nenhum momento. As participantes referiram (média de 9,04, de 0 a 10) que a intervenção aproximou a participante de sua espiritualidade; e que gostaram de participar da pesquisa (média 9,79). Ainda, consideraram (média 9,70 de 0 a 10) que a espiritualidade deve fazer parte do cuidado de enfermagem. Concluiu-se que a intervenção de enfermagem Apoio espiritual auxiliou as pacientes com câncer de mama deste estudo no aumento da expressão de sua espiritualidade (mensurada pela sub-escala Esperança/Otimismo) e proporcionou a diminuição da frequência cardíaca mostrando também efeito fisiológico. Dada sua aceitação pelas participantes, em consonância com a literatura, recomenda-se seu emprego, independente de a paciente apresentar Sofrimento espiritual.
Título em inglês
Effect of Nursing Intervention Spiritual Support on Spirituality and Clinical Parameters in Women with Breast Cancer: a randomized clinical trial
Palavras-chave em inglês
Breast Neoplasms
Nursing
Relaxation
Spiritual Therapies
Spirituality
Resumo em inglês
Cancer is a stigmatized disease in which patients undergo different types of aggressive treatments generating not only organic but psychological and spiritual conflicts. Due to spirituality is one of the ways used to express and recognize the own existence, many women with breast cancer do activities that enable the expression of their spirituality and their connection with the valuation and meaning of life. This study aimed to evaluate the effect of nursing intervention Spiritual Support on spirituality and clinical parameters of patients with breast cancer. The research is a Randomized Clinical Trial, whose experimental group received Spiritual Support (consisting of Respiratory Relaxation, Music, Guided Image and Meditation) and control group. Respiratory Relaxation. Patients who presented score 3 in ECOG instrument were included; patients who had scores 14 depending on education on the Mini-Mental State Examination; who had no registration of psychiatric problems such as hallucinations; who were not part of complementary therapies; who reported a spiritual being as a reference; and had performed mastectomy in the last five years. The instrument of spirituality Pinto Pais Ribeiro was used for assessment of spirituality and also the multiparameter monitor was used to determine the systolic and diastolic blood pressure, heart rate and oxygen saturation. Study participants were 27 women undergoing treatment for breast cancer, 14 were part of the control group and 13 in the experimental group. After interventions, it was identified that there was no statistical difference in the total score of spirituality but there was an increase in the average score of "hope/optimism" of the existential sub-scale of spirituality in the experimental group if compared to the control group (p=0.040). Heart rate showed a statistical difference when compared before and after the intervention in the experimental group on the first day of intervention (p=0.014) and on the third day (p=0.032). On the first day, after the intervention, there was also a statistical difference between groups for this variable (p=0.038) and the same happened on the third day (p=0.017). Oxygen saturation decreased in the control group on the second day after the intervention (p=0.039), but the response was observed outside the parameters regarding one patient. When excluding this amount, the difference was not sustained in the analysis of this data in this day. Blood pressure showed no statistical difference. The participants reported (mean of 9.04, from 0 to 10) that the intervention brought them closer to their spirituality; and that they liked to participate in the study (mean 9.79). They considered (mean of 9.70 from 0 to 10) that spirituality should be part of nursing care. It was concluded that the nursing intervention Spiritual Support helps patients with breast cancer related to the increase of expression of their spirituality (measured by sub-scale hope/optimism) and provided the decrease in heart rate also showing physiological effect. Due to the acceptance by the participants, it is recommended the use of Spiritual Support, and in agreement with the literature, regardless of whether the patient has spiritual suffering.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
CarolineGuilherme.pdf (924.58 Kbytes)
Data de Publicação
2019-10-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.