• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
https://doi.org/10.11606/D.8.2020.tde-10072020-213034
Documento
Autor
Nombre completo
Mariane Damasceno
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2020
Director
Tribunal
Lousada, Eliane Gouvêa (Presidente)
Bueno, Luzia
Cristovão, Maria Lucia Claro
Título en portugués
O desenvolvimento da escrita argumentativa em francês por meio do gênero carta de protesto e solicitação
Palabras clave en portugués
Didática das línguas
Ensino do francês língua estrangeira
Escrita argumentativa
Gênero textual
Interacionismo sociodiscursivo
Resumen en portugués
Nossa pesquisa teve como objetivo estudar o desenvolvimento das capacidades de linguagem de aprendizes de francês, em nível B2 (CONSEIL DE LEUROPE, 2008 [2001]), necessárias para a escrita argumentativa, por meio do gênero carta de protesto e solicitação. As justificativas de nosso objeto de estudo são três: 1) das quatro habilidades trabalhadas em cursos de FLE, a escrita é a que menos é contemplada didaticamente e a que mais parece necessitar de melhores estratégias de ensino-aprendizagem (ROCHA, 2014); 2) alinhada às constantes inovações tecnológicas, a escrita tem ganho usos que justificam a necessidade de se estudar como melhor desenvolvê-la para esses usos em curso de FLE (BRAGA, 2014) e; 3) para trabalhar a escrita argumentativa no nível B2, a escolha dos gêneros carta de protesto e solicitação parece adequada pelo seu uso social e escolar. Baseamo-nos, para isso, nos pressupostos teóricos do Interacionismo sociodiscursivo, que propõe um modelo de análise textual para estudar os diferentes gêneros (BRONCKART, 2003 [1997]) e em seus desdobramentos didáticos, com os conceitos de Modelo Didático (MD) e de Sequência Didática (SD). Esses conceitos permitem tomar os gêneros como instrumentos, a fim de desenvolver as capacidades de linguagem dos alunos e permitir a estes melhor conhecimento sobre gêneros textuais e seus usos sócio-históricos (SCHNEUWLY; DOLZ, 2013 [2004]). Para atingir nossos objetivos, construímos um MD e uma SD do gênero carta de protesto e solicitação, aplicamos a SD em um curso de extensão de francês oferecido a adultos da comunidade interna e externa de uma universidade brasileira, coletamos suas produções iniciais e finais e fizemos uma análise do desenvolvimento de suas capacidades de linguagem. Além disso, para compreender a atuação da professora e o papel da SD, realizamos um diário de bordo de forma a analisar a influência deles para o desenvolvimento das capacidades de linguagem dos alunos. Os resultados mostraram que tanto o material didático, quanto as ações e ajustes mobilizados pela professora-ministrante, durante a aplicação da SD, serviram de instrumentos para o desenvolvimento das capacidades de linguagem dos participantes, evidenciando, assim, o papel do professor e do material didático na promoção das aprendizagens.
Título en inglés
The development of argumentative writing in French through the genre letter of protest and request
Palabras clave en inglés
Didactics of languages
Socio-discursive interactionism
Teaching of french as a foreign language and argumentative writing
Text genre
Resumen en inglés
Our research aimed to study the development of language capacities of French students, at level B2 (CONSEIL DE LEUROPE, 2008 [2001]), necessary for argumentative writing, through the genre letter of protest and solicitation. The justifications of our studys object are three: 1) in FFL courses, writing is the least frequently emphazised of the four skills and the one that seems to need better teaching-learning strategies (ROCHA, 2014); 2) taking into account the constant technological innovations, writing has gained uses that justify the need to study how to best develop it for these ongoing uses of FFL (BRAGA, 2014); 3) To work with argumentative writing at the B2 level, the choice of the genre letter of protest and request seems appropriate because of its social and school uses. In order to achieve this goal, our research is based on the theoretical framework of sociodiscursive interactionism, which proposes a textual analysis model to study the different genres (BRONCKART, 2003 [1997]) and on its didactic developments, with the concepts of Didactic Model (DM) and Didactic Sequence. (DS). These concepts allow us to take genres as instruments in order to develop students' language skills and enable them to better understand textual genres and their socio-historical uses (SCHNEUWLY; DOLZ, 2013 [2004]). To achieve our goals, we built a DM and DS of the genre letter of protest and request, we used the DS in an Open Learning French course offered to adults from the internal and external community at a Brazilian university, collected their initial and final productions, and analyzed the development of their language capacities. In addition, to understand the teacher's role and the role of the DS, we used a logbook to analyze their influence on the development of students' language capacities. The results showed that both the didactic material, as well as the actions and adjustments made by the teacher, during the DS , worked as instruments for the development of the participants' language capacities, thus evidencing the role of the teacher and the didactic material in the promotion of learning.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2020-07-10
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.