• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.8.2020.tde-05032021-180300
Documento
Autor
Nome completo
Marina Teresinha de Melo do Nascimento
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2020
Orientador
Banca examinadora
Kikuchi, Wataru (Presidente)
Borges, Patricia Maria
Teixeira, Jacqueline Moraes
Vergueiro, Waldomiro de Castro Santos
Título em português
Ryōsai Kenbo e o Mangá Shōjo: o mangá para meninas como construtor e propagador do ideal da "Boa Esposa e Mãe Sábia"
Palavras-chave em português
Cultura Pop Japonesa
Mangá
Papéis de Gênero
Resumo em português
O presente trabalho busca entender como o ideal da Boa Esposa e Mãe Sábia, ryōsai kenbo, criado no período Meiji como modelo de educação feminina, ainda está presente nos quadrinhos japoneses. Tornar as estudantes da elite em donas de casa ativas e intelectuais, capazes de cuidar da educação dos filhos e dialogar com seus maridos, se tornou um grande projeto educacional. Tal projeto encontrou nas páginas das revistas para adolescentes um lugar de propagação fora do ambiente escolar. As revistas literárias no pré-guerra, editadas e coordenadas por uma elite intelectual masculina, incentivavam este valor e procuravam preparar e moldar as leitoras para uma vida doméstica e conjugal, recompensando personagens castas, puras e dedicadas e condenando aquelas que se relacionassem com rapazes antes do casamento. O mangá shōjo surge no pós-guerra como uma nova forma de contar histórias, acompanhando as mudanças sociais de cada década, como a liberação sexual, o acesso ao mercado de trabalho e ao ensino superior, mas ainda, nas entrelinhas glorificando a imagem da esposa e mãe como modelo para as leitoras. Muito se deve a continua atuação das editoras no processo de criação das histórias, reproduzindo conteúdos e valores que estejam alinhados a uma imagem feminina específica. Em nossa análise do mangá Black Bird, vemos como a personagem principal, Misao, é uma versão moderna da Boa Esposa e Mãe Sábia, sendo moldada conforme este ideal, apenas se tornando livre após o matrimônio e a maternidade. Após entender seu papel dentro da família do marido e se sacrificar para dar à luz a um filho, Misao passa a ser, finalmente, uma pessoa completa, capaz de seguir o próprio caminho. É se tornando mãe e esposa que a personagem se torna humana.
Título em inglês
Ryōsai Kenbo and Shōjo Manga: manga for girls as a generator and disseminator of the "Good Wife and Wise Mother" ideal
Palavras-chave em inglês
Gender Roles
Japanese Pop Culture
Manga
Resumo em inglês
This thesis attempts to understand how the Good Wife Wise Mother ideal, ryōsai kenbo, created in the Meiji period as a model for female education, is still present inside Japanese comics. To turn elite students into active and intellectual housewives, who are capable of taking care of their children's education and dialogue with their husbands, became a great educational project. This project found on the prewar teenage magazines a place to be disseminated outside the school environment. The prewar literary magazine, edited and coordinated by a male intellectual elite, supported this principle and set to prepare and model its female readers for a domestic and marriage life, rewarding chaste, pure and determined female characters while punishing those who engaged in relationships with men before marriage. Shōjo manga rises after the war as a new way to tell stories, following the social changes of each decade, such as the sexual liberation, the possibility to work and graduate from college, though still glorifying the image of the wife and mother as an ideal for the readers. The continuous work of the publishing companies, reiterating the values and contents aligned with a specific female image. In our analysis of the comic called Black Bird, it is possible to see how the main character, Misao, is a modern version of the "Good Wife, Wise Mother", being modeled in accordance with this ideal, only becoming free after marriage and motherhood. After comprehending her role inside her husband's family and sacrificing herself to give birth to a son, Misao finally becomes a complete person, able to follow her own path. By becoming a mother and wife, she becomes human.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-03-05
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.