• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.8.2019.tde-02122019-154856
Documento
Autor
Nome completo
Phillipe de Souza Martins
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Andrade, Homero Freitas de (Presidente)
Almeida, Paula Costa Vaz de
Cordaro, Madalena Natsuko Hashimoto
Wataghin, Lucia
Título em português
Arquétipos literários no romance Inveja, de Iuri Oliecha
Palavras-chave em português
Iuri Oliecha
Literatura russa
Prosa soviética
Resumo em português
Este trabalho propõe um estudo de Inveja (1927), único romance de Iuri Kárlovitch Oliecha, através dos arquétipos literários que compõem sua estrutura. Os arquétipos são entendidos como elementos temáticos dentro da narrativa utilizados pelo autor com o intuito de alcançar a realidade profunda de sua época. Eles desdobram-se em sentidos diversos e expalham-se por toda a estrutura do romance de forma a constituir uma perspectiva múltipla e profunda sobre temas da nova sociedade soviética em construção. Esses elementos são analisados essencialmente na forma das personagens do romance, que incorporam em si os embates sociais, filosóficos e literários ocorridos na União Soviética dos anos 1920. Também são analisados os dois narradores e sua inter-relação, pois são eles que organizam toda a estrutura fragmentária do romance de forma coerente. O conjunto das relações entre personagens e narradores é responsável por criar um efeito de estranhamento, ou, como preferimos chamar neste trabalho: estereoscopia. Efeito esse que atinge todos os níveis da narrativa e fornece ao leitor uma perspectiva múltipla do mundo retratado.
Título em inglês
Literary archetypes in Olesha's Envy
Palavras-chave em inglês
Russian literature
Soviet prose
Yuri Olesha
Resumo em inglês
This work proposes a study of Envy (1927), the only novel by Yuri Karlovich Olesha, through the literary archetypes which composes its structure. The archetypes are understood as thematic elements inside the narrative used by the author in order to reach the deep actuality of his time. They unfold themselves in a number of meanings and spread through the whole novel's structure in order to constitute a multiple and deep perspective over themes of the new Soviet society under construction. These elements are essentialy analised under the form of the novel's characters, who embody in themselves the social, filosofical and literary clashes that took place in the 1920's Soviet Union. The two narrators and their relashioship are also analised, for there are the organizers of the whole novel's fragmentary structure in a coherent form. The set of relationships between characters and narrators is responsible for the effect of strangement, or, as we choose to call in this work: stereoscopy. Efect that reaches every narratives level and provide the reader a multiple perspective over the depicted world.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-12-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.