• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2013.tde-29042013-124359
Documento
Autor
Nome completo
Abderrahman Belhaddad
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Jarouche, Mamede Mustafa (Presidente)
Jubran, Safa Alferd Abou Chahla
Vargens, João Baptista de Medeiros
Título em português
Tradução comentada do Kitb Alfirsa (Livro da Fisiognomonia), escrito por Arrz, Muammad Ibn Umar Ibn l-usayn, conhecido pelo nome de: Fakhruddin Arrz
Palavras-chave em português
A fisiognomonia árabe: estudo da fisionomia humana
Tradução para português
Resumo em português
A Fisiognomonia é uma arte (em árabe se diz cilm, também traduzível por saber ou, mais modernamente, ciência) que atraiu a atenção de inúmeros filósofos e letrados de diversas culturas ao longo da história humana: desde os egípcios antigos, os gregos, os romanos, os hindus até os árabes, todos esses povos que aperfeiçoaram o seu conhecimento e prática desta arte, exercida de diversas maneiras por eles, cada qual colaborando para aprimorá-la. Esta tese tem o propósito de ilustrar a colaboração árabe nesta ciência, apresentando uma primeira tradução comentada da mais importante obra árabe clássica que tratou este assunto. Como a simples tradução dessa obra já oferece, por si mesma, uma visão quase que satisfatória e integral a respeito da fisiognomonia entre os letrados árabes, o estudo anexado à presente tradução visa apresentar o desenvolvimento desta arte, expondo algumas semelhanças existentes entre os antigos filósofos árabes que abordaram o tema, e seus semelhantes em outras culturas, principalmente a grega. Para que tal tarefa se tornasse possível, foi preciso recorrer a algumas conclusões e afirmações feitas por estudiosos árabes modernos.
Título em inglês
Commented translation of the Kitb Alfirsa (Book of Physiognomy), written by Arrz, Muammad Ibn Umar Ibn l-usayn, known as: Fakhruddin Arrz
Palavras-chave em inglês
The physiognomy: study of person's character
Translation to portuguese
Resumo em inglês
Physiognomy is an art that has attracted the attention of a number of philosophers and intellectuals different cultures, throughout human history: from the Ancient Egyptians, the Greeks, the Romans, and the Indians to the Arabs. Physiognomy has reached its climax with the Arabs, who have made an influential contribution to lift it out of its primitive stages. This thesis, which consists in the translation of an ancient book on the subject, is intended to show how the Arabs have contributed to this science. The book translated gives a satisfactory view of Physiognomy among the intellectual Arab. The study annexed to this translation intends to show how this art has evolved. Also, it intends to show the similarity, as far as dealing with Physiognomy is concerned, between ancient Arab philosophers and their counterparts in other cultures and mainly the Greek one. To make this task possible, one has to resort to some conclusions and affirmations by modern Arab scholars.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-04-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.