• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2016.tde-05082016-151716
Documento
Autor
Nome completo
Cibele Lopresti Costa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Jacoto, Lilian (Presidente)
Dias, Maria Heloisa Martins
Ignatti, Angela Sivalli
Lima, Waldecy Tenório de
Pereira, Helena Bonito Couto
Título em português
A parábola do homem estagnado em Nenhum olhar, de José Luís Peixoto
Palavras-chave em português
Hermenêutica
José Luís Peixoto
Negatividade
Nenhum olhar
Parábola contemporânea
Resumo em português
Este trabalho tem o objetivo de registrar o processo de uma leitura de Nenhum olhar, de José Luís Peixoto, a partir do reconhecimento de um conjunto de enigmas que o romance elabora, estendendo a negatividade do título às várias camadas do texto narrativo. O método escolhido para a análise baseia-se na hermenêutica de Paul Ricoeur, que destaca a relação tensionada entre o texto literário (como conjunto de enigmas) e o leitor (com sua bagagem decifrativa). A análise textual realizada proporcionou a observação dos mecanismos de enunciação que dotam o texto de um particular hermetismo. Através desses mecanismos, José Luís Peixoto apresenta uma abordagem bastante complexificadora do homem simples do Alentejo. Por meio deles, foi possível identificar aproximações entre o texto peixoteano e as parábolas bíblicas. E na universalidade que essa abordagem é capaz de atingir, Nenhum olhar é aqui lido como parábola contemporânea do homem estagnado.
Título em inglês
The parable of the stagnant man in Nenhum olhar by José Luís Peixoto
Palavras-chave em inglês
Contemporary parable
Hermeneutics
José Luís Peixoto
Negativity
Nenhum Olhar
Resumo em inglês
This work is focused on the reading process of Nenhum Olhar, by José Luís Peixoto, given the observation of a series of enigmas built by the novel, expanding the negativity of its title to several layers of the narrative. The method chosen is based on Paul Ricoeur`s hermeneutics, which points to a tensioned relationship between the literary text (as a series of enigmas) and the reader (with their background to decipher). The text analysis made it possible the observation of mechanisms of enunciation, which made the text especially hermetic. Through these mechanisms, José Luís Peixoto gives us a very complexifying approach of the humble man from the Alentejo. Thereby it was possibe to identify connections between Peixoto`s text and parables from the Bible. Thus, because of the universal character that this approach may reach, Nenhum Olhar can here be interpreted as a contemporary parable of the stagnant man.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-08-05
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.