• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.8.2011.tde-20062012-161451
Documento
Autor
Nombre completo
Simone Batista da Silva
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2011
Director
Tribunal
Mór, Walkyria Maria Monte (Presidente)
Braga, Denise Bértoli
Carmagnani, Anna Maria Grammatico
Souza, Lynn Mario Trindade Menezes de
Zacchi, Vanderlei José
Título en portugués
Da técnica à crítica: contribuições dos novos letramentos para a formação de professores de língua inglesa
Palabras clave en portugués
crítica
formação de professores
língua inglesa
multiletramentos
multimodalidade
Resumen en portugués
A língua inglesa em contexto brasileiro é usualmente associada à globalização do capitalismo e lembrada como oportunidade de alcançar melhores empregos e salários. Assim, o ensino dessa língua tende a objetivar majoritariamente o atendimento aos ideais de mercado de trabalho. As Orientações Curriculares para o Ensino Médio OCEM (2006), entretanto, baseadas nos princípios teóricos dos Novos Letramentos, sugerem que o ensino de língua inglesa na educação formal seja um meio para o desenvolvimento da cidadania, da consciência social e da criatividade, e indicam a crítica como ferramenta para que o ensino de línguas estrangeiras tenha como focos a inclusão social, a construção de sentidos e a formação do sujeito crítico para uma sociedade em constante transformação. Levando-se em conta as transformações ocorridas na dinâmica da comunicação em tempos atuais, a diversidade local e a possibilidade de interconexão global dos sujeitos da contemporaneidade, é possível supor que o ensino de língua inglesa na educação formal no momento histórico-social atual necessite de mudanças. Seguindo os princípios teóricos dos Multiletramentos Críticos, a crítica é vista como a problematização de discursos cristalizados nos mais variados textos circulantes, em uma prática de leitura tomada como a produção de sentidos por ocasião de interação texto-leitor, sendo texto aqui entendido como as variadas formas de atividade semiótica realizadas em múltiplas modalidades. O objetivo desta pesquisa é a investigação da crítica na formação de professores de língua inglesa, conforme o projeto dos Multiletramentos Críticos e a atualização desse projeto para o contexto brasileiro pelas Orientações Curriculares para o Ensino Médio OCEM (2006). Pesquisou-se, em uma primeira instância, junto a professores em efetivo exercício acerca de suas perspectivas quanto ao ensino da língua inglesa, objetivos e propostas de trabalho. Em uma segunda etapa de colaboração investigou-se, em uma Instituição de Ensino Superior privada na cidade do Rio de Janeiro, a possibilidade de promover um trabalho pedagógico no curso de Letras e de Especialização em Língua Inglesa, com inserção de atividades baseadas nas teorias dos Multiletramentos e nas orientações das OCEM, de modo que o professor em pré-serviço pudesse ver o ensino da língua inglesa no ensino formal como ampliação das condições para a construção da identidade de um aluno híbrido, multicultural, flexível e crítico, e não somente visando ao mercado de trabalho. Os estudos teóricos e a investigação me levam a concluir que para a educação crítica acontecer, deve haver espaço constante nas aulas para os questionamentos, a desconstrução, a análise e avaliação de métodos e procedimentos. Assim, surge a necessidade de que o professor inclua como parte do seu planejamento perguntas práticas quanto à pedagogia utilizada em sala de aula, à construção do currículo, à escolha de material didático e de textos multimodais compartilhados, pois esses questionamentos prévios parecem ser um caminho para alcançar uma educação em língua inglesa que se coadune com o objetivo do ensino formal de auxiliar na formação de um sujeito crítico, capaz de construir e atuar sobre seu próprio conhecimento, entendendo e agenciando seu papel na contemporaneidade.
Título en inglés
From technique to criticism: contributions of new literacies for the training of teachers of english
Palabras clave en inglés
critique
English language
multiliteracies
multimodality
teacher education
Resumen en inglés
The English language in the Brazilian context is usually associated with capitalist globalization, and thought of as the opportunity to reach better job positions and salaries. So, the teaching of this language tends to aim mainly at attending job market ideals. The Curriculum Guidelines Towards the Teaching of Foreign Languages for Learners aged between 14-16 OCEM (2006), however, based on the theoretical principles of the New Literacies, suggest that the teaching of English in formal education be a means for the development of citizenship, social conscience and creativity, and indicate the critique as a tool so that the teaching of foreign languages focuses on social inclusion, meaning making and the education of a critical human subject for a society in continuing transformation. Taking into consideration the transformations happened to present times communication dynamics, as well as the local diversity and the possibility of global interconnection among human subjects at contemporaneity, it is possible to suppose that the teaching of English in formal education at the present historical-social moment needs changing. Following the theoretical principles of Critical Multiliteracies, critique is seen as the questioning of crystallized discourses that exist within the variety of texts that circulate, by means of a reading practice taken as meaning production at the time of text-reader interaction, being text understood here as the variety of semiotic activities accomplished in multiple modalities. The objective of this research is to investigate critique in English teacher education, according to The Critical Multiliteracies Project and its adaptation for the Brazilian context found in The Curriculum Guidelines Towards the Teaching of Foreign Languages for Learners aged between 14-16 OCEM (2006). In its first stage, I researched teachers in effective practice about their perspectives concerning the teaching of English, its objectives and pedagogical proposals. In its second stage collaboration I investigated the possibility of inserting a pedagogical work based on the theories of Multiliteracies and on the guidelines of the OCEM, in English Arts Undergraduation course and in a Specialization Course in a private Higher Education Institution in Rio de Janeiro, in such a way that the teacher in pre-service could see an English teaching practice in formal education as an enlargement of conditions for identity construction of a hybrid, multicultural, flexible and critical student, and not only focusing on job market supply. The theoretical studies and the investigation led me to conclude that if the critical education is expected to happen there must constantly be room in classes for discussion, deconstruction, analysis, and assessment of methods and procedures. Thus, there also happens the need that, as a part of his/her planning, the teacher includes practical questions concerning the pedagogy applied, the construction of curriculum, the material chosen, and the multimodal texts shared in class, for these previous questionings seem to be a way to reach an English teaching practice that fits the objective formal education holds of promoting the education of a critical human subject, who is able to build and act upon his/her knowledge, understanding and deciding his/her role in contemporaneity.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2012-06-27
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.