• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Carlos Eduardo de Araujo Placido
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Ferreira, Marilia Mendes (Presidente)
Furlanetto, Elton Luiz Aliandro
Lousada, Eliane Gouvêa
Puglia, Daniel
Título em inglês
The development of undergraduate students' fanfictional creative writing in English
Palavras-chave em inglês
Creative writing
Fanfiction
Sociocultural theory
Resumo em inglês
Creative Writing in English (CWE) has not been extensively researched in Brazil. There are few courses about CWE in Brazilian Languages and Literature universities, and even fewer available publications in this area as well (Myers, 2006; Morley, 2007; Blythe and Sweet, 2008; Healey, 2009; Oberholzer, 2014). According to Brazilian Educational Bases and Guideline Law, creativity should be comprehended as one of the main foundations of the Brazilian education, from the primary schooling to the tertiary level. For higher education, this law established the importance of stimulating cultural creation, creative thinking broadening, creative skills honing and cognitive capacities. Nevertheless, very few Brazilian institutions have provided their Languages and Literature undergraduate students with CWE disciplines and/or extracurricular courses focusing on the development of their students' creative writing The University of São Paulo (USP) is one of these few institutions. For these reasons, a Fanfictional Creative Writing in English (FCW) course was designed and taught at USP by the end of 2016. This course had 5 participants who were all Languages and Literature undergraduate students from USP. The aims of the FCW course and this research were to identify the students' concepts about creativity, fanfictions and creative writing courses. Along with these identifications, the other aims have been the investigation of the students broadening of these concepts and the development of their fanfictional creative writing. The methodology of this research involved the organization and teaching of the extracurricular Fanfictional Creative Writing in English course. In order to achieve the aims of this research, the extracurricular course was based on the Vygotskian sociocultural theory (Vygotsky, 2004; 2007). The data collected indicated that the Fanfictional Creative Writing in English students developed their creativity, self-expression, imagination (Vygotsky, 2004; 2007), conceptual thinking (Lantolf, 2015), self-regulation as well as agency (Wertsch, 1998).
Título em português
O desenvolvimento da Escrita Criativa Fanfictional em inglês dos alunos da graduação
Palavras-chave em português
Escrita criativa
Fanfiction
Teoria sociocultural
Resumo em português
A Escrita Criativa em Inglês (ECI) não tem sido extensivamente pesquisada no Brasil. Há poucos cursos sobre ECI em universidades brasileiras de Letras, e ainda menos publicações disponíveis nesta área (Myers, 2006; Morley, 2007; Blythe e Sweet, 2008; Healey, 2009; Oberholzer, 2014). De acordo com a Lei de Diretrizes e Bases Educacionais do Brasil (LDB), a criatividade deve ser compreendida como uma das habilidades fundamentais para se desenvolver a educação brasileira, do ensino fundamental ao superior. Referente ao ensino superior, a LDB estabeleceu a importância de estimular a criação cultural, a ampliação do pensamento criativo, o aprimoramento das habilidades criativas e as capacidades cognitivas. No entanto, pouquíssimas instituições brasileiras forneceram aos seus alunos de graduação disciplinas de ECI e/ou cursos extracurriculares com foco no desenvolvimento da escrita criativa de seus alunos. A Universidade de São Paulo (USP) é uma dessas poucas instituições. Por essas razões, um curso de Escrita Criativa Fanfictional em Inglês (ECFI) foi desenvolvido e ministrado na USP no final de 2016. Este curso teve 5 participantes, todos estudantes de graduação em Letras da USP. Os objetivos do curso de ECFI e, também, desta pesquisa foram identificar os conceitos desses alunos sobre criatividade, fanfictions e cursos de escrita criativa. Juntamente com essas identificações, os outros objetivos foram a investigação da ampliação desses conceitos pelos alunos de ECFI e o desenvolvimento de suas escritas criativas fanfictionais. A metodologia desta pesquisa envolveu a organização e o ensino da Escrita Criativa Fanfictional em inglês em um curso extracurricular na USP. Para alcançar os objetivos desta pesquisa, a organização deste curso foi baseada na teoria sociocultural vygotskiana (Vygotsky, 2004; 2007). Os dados coletados indicaram que os estudantes da ECFI desenvolveram a criatividade, a autoexpressão, a imaginação (Vygotsky, 2004; 2007), o pensamento conceitual (Lantolf, 2015), a autorregulação e a agência (Wertsch, 1998).
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-07-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.