• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Bruna de Carvalho
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Pino, Claudia Consuelo Amigo (Presidente)
Catalão, Marco Aurelio Pinotti
Natali, Marcos Piason
Pereira, Viviane Araújo Alves da Costa
Título em português
Eu não vejo por que aquilo que foi possível na música seria impossível na literatura
Palavras-chave em português
Crítica experimental
Discotecagem
Enunciação
Escuta
Relação crítica
Resumo em português
Esta pesquisa abre uma trajetória de leitura a partir de André Gide, centrando-se majoritariamente em dois de seus livros: Les Faux-monnayeurs, o único romance do autor, e Ainsi soit-il ou les jeux sont faits, livro de memórias e uma de suas últimas publicações em vida. A questão que guia a trajetória de leitura é primeiramente a escuta, de modo a entrelaçar o ensaio de Jean Luc-Nancy, À lécoute, o livro de Philippe Lacoue-Labarthe, Lécho du sujet e o texto de Jean Starobinski, La relation critique. Esse tecido teórico ajuda a investigar mais a fundo as seguintes perguntas: o que significa escutar um texto? Que implicações a escuta carrega para a crítica? Que tipo de fronteiras e divisões esse gesto é capaz de desfazer ou de reorganizar? Guiar-se pela escuta é possível segundo os pressupostos de escrita de uma tese acadêmica? Tais perguntas desencadeiam uma série de experimentos de leitura e escrita que diluem a nítida separação entre sujeito e objeto em meu texto, fazendo com que eu, como leitora, também me implique na narrativa a ser construída pela tese e dê a ver as experiências que funcionam como suas condições de enunciação (como, por exemplo, a discotecagem). Essa trajetória me conduzirá por fim às potenciais implicações políticas desse gesto por assim dizer experimental no interior da tese de doutorado.
Título em inglês
I don't know why what was possible in music would be impossible in literature
Palavras-chave em inglês
Critical relation
DJing
Experimental critics
Listening
Utterance
Resumo em inglês
This research opens a reading path based on André Gide, focused majorly on two of his books: Les Faux-monnayeurs, his only novel, and Ainsi soit-il ou les jeux sont faits, a memoir and one of his last publications in life. The main issue which guides this reading path is, first of all, listening itself, in a way to entwine Jean Luc-Nancys À lécoute, Philippe Lacoue- Labarthes Lécho du sujet, and Jean Starobinskis La relation critique. This theoretical tissue supports a deeper investigation around these questions: what does it mean to listen to a text? What implications listening conveys to critics? What kind of borders and divisions is this gesture capable of undoing or reorganizing? Is it possible to guide oneself through listening according to writing assumptions inside an academic thesis? These questions triggers a series of both reading and writing experiments that dilutes clear separations between subject and object in my text, enabling myself, as a reader, to enter this thesis narrative and manifest experiences that work as its utterance conditions (for example, DJing). This path ultimately guides me into potential political implications of the so to speak experimental gesture within this thesis.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-09-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.