• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.8.2014.tde-19032014-125445
Documento
Autor
Nombre completo
Michele Costa
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2014
Director
Tribunal
Celada, Maria Teresa (Presidente)
Gonzalez, Neide Therezinha Maia
Nunes, José Horta
Título en portugués
Instrumentalização e (des)colonização linguística: estudo discursivo do Diccionario integral del español de la Argentina
Palabras clave en portugués
(Des)colonização linguística
Discurso
Espanhol
Instrumentos linguísticos
Lexicografia hispânica
Resumen en portugués
Este trabalho apresenta uma análise discursiva de alguns aspectos do Diccionario integral del español de la Argentina (DIEA), produção lexicográfica publicada em 2008 na Argentina e considerada o primeiro dicionário não diferencial elaborado e publicado em um país hispano-americano. Ao tomarmos o DIEA como objeto de estudo, situamo-nos, teórica e metodologicamente, na articulação entre a Análise de Discurso de linha francesa, tal como vem sendo desenvolvida no Brasil, e o campo da História das Ideias Linguísticas. Dessa forma, concebemos o dicionário ao qual nos dedicamos como um instrumento linguístico e o abordamos como um objeto discursivo elaborado em um espaço de enunciação que, de nossa perspectiva, é atravessado por um processo de (des)colonização linguística. Tendo em conta que nesse espaço a língua espanhola funciona sob um efeito de injunção à homogeneidade, partimos da hipótese de que a análise discursiva do DIEA nos permitirá detectar marcas do modo como nesse instrumento é significada a separação ou a disjunção obrigada à qual o real da história submete uma língua em um espaço de (des)colonização. Para o desenvolvimento da análise à qual nos propomos, colocamos o DIEA em relações de sentido com uma série de outros instrumentos, em especial com o Diccionario de la lengua española, comumente conhecido como Diccionario de la Real Academia española, e o Diccionario del español de México. Como base para a construção de nossa reflexão, primeiramente, tratamos questões relativas à lexicografia em língua espanhola que entendemos como essenciais para considerar as condições de produção de nosso objeto de estudo. Abordamos, portanto, algumas obras relativas ao território político da atual Espanha; refletimos sobre a publicação de dicionários integrais na América Hispânica e construímos um panorama da produção de dicionários na Argentina. A partir das considerações acerca da conjuntura da lexicografia hispânica, analisamos alguns aspectos do paratexto do DIEA a capa, a quarta capa, a apresentação e o prólogo e um recorte de verbetes que compõem a nomenclatura da letra P do dicionário. Tratando-se de uma aproximação a esse objeto, este estudo apresenta uma leitura interpretativa do DIEA com base na qual detectamos diferentes posições que esse instrumento ocupa no processo de (des)colonização linguística e a partir das quais produz diferentes efeitos de sentido.
Título en inglés
Instrumentalization and linguistic (de)colonization: discursive study of Diccionario integral del español de la Argentina
Palabras clave en inglés
Discourse
Hispanic lexicography
Linguistic (de)colonization
Linguistic instruments
Spanish
Resumen en inglés
This masters degree study presents a discursive analysis of some aspects of the Diccionario integral del español de la Argentina (DIEA), lexicographical work published in 2008 in Argentina and considered the first non-differential dictionary elaborated and published in a Hispanic American country. As we take DIEA as an object of study, we situate ourselves, theoretically and methodologically, on the relationship between the Discourse Analysis with its French origin, as it has been developed in Brazil, and the field of the History of Linguistic Ideas. Thus, we understand the dictionary to which we dedicate this work as a linguistic instrument and approach it as a discursive object drawn in a space of enunciation that, from our point of view, is crossed by a process of linguistic (de) colonization. Taking into account that in this space the Spanish language works under the tendency to homogeneity, we assume that the discursive analysis of the DIEA will allow us to detect traces of how the separation or "compulsory disjunction" is meant in this instrument, in which the real of the history submits a language in a space of (de) colonization. For the development of the analysis that we propose, we put the DIEA in sense relations with a number of other instruments, in particular the Diccionario de la lengua española, commonly known as Diccionario de la Real Academia Española, and the Diccionario del español Mexico. As a basis for the construction of our reflection, first, we deal with issues related to lexicography in the Spanish language that we understand as essential to consider the production conditions of our object of study. Therefore we address some works on the political territory of present-day Spain; reflect on the publication of comprehensive dictionaries in Hispanic America and build an overview of the production of dictionaries in Argentina. From considerations about the situation of Hispanic lexicography, we analyze some aspects of the DIEA paratext - the cover, the back cover, the presentation and the prologue - and a cutting of entries that compose the nomenclature of the letter P from the dictionary. Since this is an approximation to this object, this study presents an interpretive reading of DIEA under which we detect different positions occupied by this instrument in the the linguistic (de)colonization process and from which it produces different meaning effects.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2014-03-19
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.