• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2011.tde-18032013-120639
Documento
Autor
Nome completo
Patricia Gimenez dos Santos Minari
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Kulikowski, Maria Zulma Moriondo (Presidente)
Andrade, Maria Lúcia da Cunha Victório de Oliveira
Bastos, Sandra Denise Gasparini
Couto, Leticia Rebollo
Silva, Luiz Antonio da
Título em português
Elementos de cortesia e atenuação no português rio-pretense e no espanhol malaguenho - um estudo comparativo
Palavras-chave em português
ALIP
Atenuação
Cortesia
Pragmática
PRESEEA
Resumo em português
O objetivo deste trabalho é a análise dos elementos de cortesia e atenuação no Português falado na região de São José do Rio Preto e no Espanhol falado na região de Málaga. Os corpora analisados foram obtidos por meio de entrevistas semidirigidas e fazem parte do Projeto ALIP Amostra Linguística do Interior Paulista, o brasileiro, e PRESEEA - Proyecto para el Estudio Sociolingüístico del Español de España y América, o espanhol. Analisamos um total de 24 entrevistas, sendo 12 de nível médio e 12 de superior, seis em cada idioma, divididas igualmente entre falantes do sexo feminino e do sexo masculino. Os falantes de nível médio tinham idades entre 25 e 45 anos, enquanto que a faixa etária entre os de nível superior era entre 50 e 70 anos. Partindo da teoria pragmática dos Atos de Fala e de estudos mais recentes sobre cortesia e atenuação de teóricos como Leech (2007), Bravo (2001, 2004, 2005), Kerbrat-Orecchioni (2004, 2005, 2006), entre outros, analisamos tanto a fala dos entrevistadores quanto a dos informantes. A partir da fala dos entrevistadores, pudemos observar como as perguntas, as solicitações de informações eram elaboradas em ambos os idiomas. Tal análise possibilitou a verificação de como o entrevistador se posicionava e quais eram as estratégias utilizadas verbos no imperativo, enunciados diretos, uso de atos de preparação ou verbos que visavam a proteger a face do informante. Já a análise da fala dos informantes objetivou a averiguação do uso de outras estratégias, cuja intenção era a defesa pessoal ou de terceiros, protegendo sua própria face ou a do entrevistador. Entre essas estratégias citamos a desfocalização do eu, a proteção à própria face ou à do outro, o uso de elementos atenuadores no momento de expressar opiniões, entre outras. Ao longo de nossa análise investigamos também o posicionamento de cada entrevista no eixo de solidariedade ou poder de acordo com a teoria de Brown e Gilman (1960). Para isso, foi necessário o estudo das formas de tratamento empregadas, bem como o uso ou não de formas nominais. Os resultados obtidos, dentro dos corpora estudados, mostram que a Língua Espanhola é uma língua de mais aproximação com o interlocutor, enquanto que a Língua Portuguesa denota maior distância. Observou-se ainda que determinados elementos como o uso de um tratamento mais formal no caso da Língua Portuguesa se caracteriza mais como uma estratégia conversacional do que uma distância social.
Título em inglês
Politeness and attenuation elements in both the Portuguese spoken in Sao Jose do Rio Preto region and in the Spanish spokenin Malaga region a comparative study
Palavras-chave em inglês
ALIP
Attenuation
Politeness
Pragmatic
PRESEEA
Resumo em inglês
The present paper aims at the analysis of the politeness and attenuation elements in both the Portuguese spoken in São José do Rio Preto region and in the Spanish spoken in Malaga region. The studied corpora were obtained by means of partially guided interviews and are part of the ALIP Project (São Paulo's Countryside Linguistic Sampling), the Brazilian one, and the PRESEEA ( Project for the Sociolinguistic Study of the Spanish Spoken in Spain and America), the Spanish one. A total of 24 interviews were analysed, being 12 of those on an average level and the other 12 on a superior one, six in each language, equally divided into male and female speakers. The average level speakers range aged from 25 to 45 whereas the superior level ranged from 50 to 70. Considering the pragmatic theory of Speech Acts and other more recent studies on politeness and attenuation by theorists such as Leech (2007), Bravo (2001, 2004, 2005), Kerbrat-Orecchioni (2004, 2005, 2006), among others, both interviewers' and interviewees' speeches were analysed. From the interviewers' speeches it was possible to observe how the questions, the information required, were built up in both languages. Such an analysis made possible verifying how the interviewer was positioned as well as which strategies were used: verbs in imperative, direct enunciations, preparation acts usage or verbs aiming at protecting the informer's face. Yet the informers' speech analysis aimed at the inquiry of other strategies usage being the intention of such the personal or third parties' defense, proctecting oneself's face or the interviewer's one. Among these strategies we mention defocusing the self, protecting oneself's own face or the other's one, attenuating elements usage when expressing opinions, among others. Throughout our analysis we investigated also the positioning of each interview coming to the axis solidarity or power according to Brown and Gilman's theory (1960). For such, it was made necessary the study of the treatment forms applied as well as the use or not of noun forms. The achieved results in the studied corpora showed that the Spanish language proves to be a language of more approximation coming to the interlocutor whereas the Portuguese language denotes more distance. It could also be noticed that certain elements such as the use of a more formal treatment coming to the Portuguese language are characterized more as a conversational strategy than as a social distance element.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-03-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.