• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2019.tde-15022019-140046
Documento
Autor
Nome completo
Raphael Boccardo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Santos, Margareth dos (Presidente)
Foglia, Graciela Alicia
Marco, Valeria De
Martin, Ivan Rodrigues
Título em português
Deus das ruínas: a poética da insuficiência de Blas de Otero
Palavras-chave em português
Biografia
Blas de Otero
Existencialismo
Histórico-social
Pós-Guerra Civil Espanhola
Resumo em português
Esta dissertação analisa seis poemas de duas das obras mais importantes do poeta Blas de Otero, Ángel fieramente humano (1949) e Redoble de conciencia (1950), com o objetivo de fornecer uma interpretação que busque unir três elementos fundamentais para o entendimento de sua poética: sua biografia, o contexto histórico do Pós-Guerra Civil Espanhola e os elementos existencialistas que se conformam em seus sonetos. O trabalho entrelaça, portanto, a conjuntura histórico-social dos anos de 1940, ou seja, o período imediato após o término da Guerra Civil e o estabelecimento da ditadura franquista, com os rumos pessoais do poeta basco Blas de Otero que gerará, em 1949 e 1950, as duas obras consideradas parte de sua fase existencialista. A partir dessas perspectivas, o debate proposto visa propiciar uma nova visão que possa unir o social com o existencial, o histórico com o poético, o individual com o universal, integrando assim as diferentes percepções da crítica da obra do poeta em uma interpretação orgânica para o que denominamos de poética da insuficiência de Blas de Otero.
Título em inglês
God of ruins: the poetics of insufficiency of Blas de Otero
Palavras-chave em inglês
Biography
Blas de Otero
Existentialism
Historical-social
Post-Spanish Civil War
Resumo em inglês
This dissertation analyzes six poems of two of the most important works of the poet Blas de Otero, Ángel fieramente humano (1949) and Redoble de conciencia (1950), with the aim of providing an interpretation that seeks to unite three fundamental elements for the understanding of his poetics: his biography, the historical context of the Spanish Civil War and the existentialist elements that conform to his sonnets. The work thus interweaves the historical-social conjuncture of the 1940s, that is, the immediate period after the end of the Civil War and the establishment of the Franco dictatorship, with the personal directions of the Basque poet Blas de Otero, which will generate, in 1949 and 1950, the two works considered part of their existentialist phase. From these perspectives, the proposed debate aims to provide a new vision that can integrate the social with the existential, the historical with the poetic, the individual with the universal, integrating the different perceptions of the critique of the poet's work in an organic interpretation for what we call the poetics of Blas de Otero's insufficiency.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-02-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.