• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2013.tde-02102013-111443
Documento
Autor
Nome completo
Alexandre Agnolon
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Oliva Neto, João Angelo (Presidente)
Carvalho, Raimundo Nonato Barbosa de
Cesila, Robson Tadeu
Faversani, Fábio
Martins, Paulo
Título em português
A Festa de Saturno: o Xênia e o Apoforeta de Marcial
Palavras-chave em português
Epigrama
Marcial
Saturnais
Saturno
Tradução
Xênia e Apoforeta
Resumo em português
Trataremos de dois livros de epigramas do poeta latino Marcial: Xênia e Apoforeta, dados a lume, respectivamente, nas Saturnais de 83 (ou 84) e 85 d.C. sob o principado de Domiciano. Nosso objetivo, em primeiro lugar, será discutir as características intensamente apotropaicas e propiciatórias tanto das Saturnais, como do próprio deus Saturno a despeito dos elementos lúgubres comumente a ele associados , para, em seguida, tentar demonstrar de que maneira a festividade romana interfere na fruição dos epigramas que compõem as referidas recolhas e exige que o poeta abandone, temporariamente, a comum acerbidade de seus versos. Tanto pelas Saturnais constituírem o princípio de unidade desses livros, como por Marcial buscar emular um conjunto de tratados antigos de natureza jocosa, populares durante os festejos consagrados a Saturno, acreditamos que o poeta legitima a existência de novo subgênero epigramático que é corolário das próprias Saturnais romanas. No final, apresentamos, como resultado de nossa investigação, tradução poética de Xênia e Apoforeta, inédita em língua portuguesa.
Título em inglês
The party of Saturn: Xenia and Apophoreta by Marcial
Palavras-chave em inglês
Epigram
Martial
Saturn
Saturnalia
Translation
Xenia and Apophoreta
Resumo em inglês
We will discuss two books of epigrams by the Latin poet Martial: Xenia and Apophoreta, published, respectively, in the Saturnalia of 83 (or 84) and 85 A.D. under the reign of Domitian. Our goal, in the first place, is to discuss the highly apotropaic and propitiatory features of both the Saturnalia, as the god Saturn itself despite the gloomy elements commonly associated with him. Then well try to demonstrate how the Roman festival interferes with the fruition of the epigrams in these collections, and demands that the poet abandons temporarily the common poignancy of his verses. Not only because Saturnalia constitute the principle of unity of these books, but because Martial seek to emulate a set of ancient treatises of facetious nature, popular during the festival dedicated to Saturn, we believe that the poet legitimate the existence of new epigrammatic subgenre which is corollary of the very Roman Saturnalia. Finally, we will present as a result of our investigation an original translation into Portuguese verse of Xenia and Apophoreta.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-10-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.