• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2016.tde-25102016-121433
Documento
Autor
Nome completo
Bruna Giovana Bengozi
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Silva, Marcelo Candido da (Presidente)
Coelho, Maria Filomena Pinto da Costa
Miatello, André Luis Pereira
Silveira, Verônica da Costa
Título em português
A 'crise' do poder público em Regino de Prüm e Raul Glaber (séculos IX-XI)
Palavras-chave em português
Ano mil
Crise
Poder público
Raul Glaber
Regino de Prüm
Resumo em português
Crise é um dos principais conceitos usados pela historiografia para explicar os acontecimentos ocorridos durante o período de 980 a 1060, chamado de Ano Mil. Após o fim do Império Carolíngio, a crise teria se instalado na Europa, e, entre diversas transformações, teria levado à privatização do poder público e ao domínio de um senhorio que exerceu seu poder a partir da cobrança de taxas, serviços e violência, elementos estes que formaram o paradigma da mutação feudal. O objetivo deste trabalho é analisar duas escritas históricas, a Crônica (Chronicon), escrita entre 900 e 908, por Regino, abade de Prüm, na Lotaríngia; e Os Cinco Livros de Histórias (Historiarum Liber Quinque), do monge Raul Glaber, escritos entre 1016 e 1046, na região da Borgonha. Buscaremos, assim, discutir se as citadas fontes sustentam a ideia de uma crise do poder público no período.
Título em inglês
Public power crisis in Regino of Prüm and Rodulfus Glaber (IX-XI centuries)
Palavras-chave em inglês
Crisis
Public power
Regino of Prüm
Rodulfus Glaber
Year 1000
Resumo em inglês
Historiography had used crisis as one of the main to explain the events happened in Europe from 980 to 1060, period called Year 1000. According to those historians, after the end of the Carolingian Empire, the crisis would have been installed in Europe. Among several transformations, it would have led to the privatization of public power and to dominion of "landlords", those who exercised his power from the collection of taxes, services and violence, elements that formed the paradigm of "feudal mutation". The purpose of this dissertation is to analyse two historical writings, the Chronicle (Chronicon) , written between 900 and 908 by Regino, abbot of Prüm, in Lotharingia; and The Five Books of Histories (Historiarum Liber Quinque), by the monk Rodulfus Glaber, written between 1016 and 1046, in Burgundy. Therefore, we will seek to discuss whether the quoted sources support the idea of a public power crisis during that time.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-10-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.