• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2010.tde-30042010-094759
Documento
Autor
Nome completo
Maria Melquiades Costa Maio
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Custódio, Vanderli (Presidente)
Alves, Gloria da Anunciacao
Macedo, Silvio Soares
Título em português
Ilhas de alto padrão: o caso do Parque dos Príncipes e da Vila São Francisco - SP (1970-2008)
Palavras-chave em português
Geografia urbana
Ilhas de alto padrão
Parque dos Príncipes
Segregação socioespacial voluntária
Vila São Francisco
Resumo em português
Este trabalho em Geografia Urbana enfoca a produção de ilhas de alto padrão de moradia na metrópole paulistana. Trata-se do estudo dos casos do Parque dos Príncipes e da Vila São Francisco; lugares caracterizados por significativo processo de segregação socioespacial voluntária: loteamentos destinados às frações de classe social com elevado poder aquisitivo, cercados por muros. Objetiva-se identificar os principais agentes responsáveis pela produção do espaço urbano nos lugares estudados; analisar suas atuações e entender, no espaço e no tempo, as causas da escolha da sub-região oeste da Região Metropolitana de São Paulo (RMSP), para a implantação desse tipo de modelo habitacional. Para tanto, considerou-se o espaço como um sistema indissociável de objetos e de ações (SANTOS, 2003), o espaço urbano como fragmentado, articulado e conflituoso (CORRÊA, 2003), bem como a metrópole paulistana como sendo corporativa e fragmentada (SANTOS,1990). Como resultado final foi possível a identificação dos proprietários fundiários (Família Matarazzo e outros), dos promotores e incorporadores imobiliários (Camargo Corrêa, Gafisa, Godoi, Rodobens, Setin), do Estado e das associações de moradores (APRPP, ARPPO, ACCSF, SACSF), como principais agentes produtores da atual configuração dos lugares investigados. Todos se organizam Cada um a sua maneira, ora conflitando ora concordando entre si e corroboram para a produção da lógica da metrópole corporativa, inclusive com remoção de favelas e privatização de espaços públicos via fechamento de ruas e uso exclusivo de praças e parques.
Título em inglês
Islands of high standar: the case of Prince's Park and San Francisco Village - SP (1970-2008)
Palavras-chave em inglês
Islands of high standard
Princes Park
San Francisco Village
Urban geography
Volunteer spatial segregation
Resumo em inglês
This urban geography research focuses on the production of islands of high standard of housing in the metropolis of São Paulo. it is the study of cases of Princes Park and the village of San Francisco; places characterized by a significant process of voluntary spatial segregation; allotments, surrounded by walls, made for people with social standard and high purchasing power, surrounded by walls.The purpose is to identify the main causative agent witch is responsible for the production of the urban space at the specified places; analyze their actions and understand, at space and in time, the reasons for choosing the western sub-region of the Metropolitan Region of São Paulo (MASP) to implement this type of housing model. For the development of this idea, we considered the space as an indivisible system of objects and actions (Santos, 2003), urban space as fragmented, articulated and confrontational (Corrêa, 2003, as well as the São Paulo metropolis corporate and fragmented (SANTOS, 1990).As the final result, it was possible the identification of landowners (Matarazzo family and other), promoters and real property developers (Camargo Corrêa, Gafisa Godoi, Rodobens Setin) the State the neighborhood association (APRPP, ARPPO, ACCSF, SACSF) as major cause of the current situation at the studied places. All are organized - Each one in your on way, sometimes conflicting, sometimes agreeing with each other - corroborate to the production of the metropolitan corporate logic, including slum clearance and the privatization of public spaces closing streets and making exclusive the use of the squares and parks.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-04-30
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.