• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2002.tde-26032010-182931
Documento
Autor
Nome completo
Vanderli Custódio
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2002
Orientador
Banca examinadora
Moraes, Antonio Carlos Robert (Presidente)
Oseki, Jorge Hajime
Ross, Jurandyr Luciano Sanches
Seabra, Manoel Fernando Goncalves
Vitte, Antonio Carlos
Título em português
A persistência das inundações na Grande São Paulo
Palavras-chave em português
Grande São Paulo
Inundação
Meio ambiente urbano
Políticas públicas
Situação de Desastre
Resumo em português
As inundações na Grande São Paulo e as soluções para elas são tão antigas quanto o núcleo urbano. No entanto, constata-se a seguinte contradição: quanto mais intervenções são realizadas, mais o problema persiste e se amplia. O presente trabalho busca fazer uma leitura tanto do problema quanto das soluções. Utiliza-se o conceito "situação de desastre", por ressaltar as dimensões natural e social do problema. Discute-se o que seria uma solução e o aspecto técnico das soluções estruturais (obras) e não-estruturais (institucionais, administrativas, financeiras, leis etc.), sua implantação nas fases de pré, durante e pós-impacto, considerando-se, também, os sujeitos sociais envolvidos. Destaca-se o predomínio da implantação de obras, elaboradas com ênfase na dimensão natural do problema e com equívocos, por negligenciarem o meio físico-natural existente em nome da importação de parâmetros técnicos externos, dominantes e tidos como modernos. Desse modo, a dimensão técnica não atinge a complexidade do meio ambiente urbano, resultando, no extremo, na proliferação de vulnerabilidades socioambientais. Além disso, as abordagens não têm considerado que qualquer solução para o problema é uma solução no espaço urbano-metropolitano, cuja dimensão social não pode ser negligenciada; a atuação deve ser não somente sobre a forma metrópole, mas também sobre o processo social urbano - o que remete à dimensão política, ao perfil das políticas públicas que dela se origina e à necessidade de acordos entre os sujeitos sociais urbanos. Apesar dos avanços no discurso e no corpo das leis - que passam a postular a incorporação da questão ambiental e mostram a crescente percepção da importância das soluções não-estruturais, como o disciplinamento do uso e ocupação do solo urbano, para a redução das "situações de desastre" do tipo inundação na Grande São Paulo, as soluções continuam aquém das necessidades. As perspectivas são de persistência do problema, com melhorias das formas de convivência com ele.
Título em inglês
The Persistence of Floodings in the Greater São Paulo
Palavras-chave em inglês
Disaster situation
Floods
Greater São Paulo
Public policies
Urban environment
Resumo em inglês
Floodings in São Paulo and solutions for them are as old as the central urban nucleus. Nevertheless, the following contradiction can be observed: the more interventions, the bigger and more persistent the problems. The present work attempts to carry out an examination of flooding problems and solutions. It uses the concept of "disaster situation", which emphasizes both the natural and the social dimension of the problem. Besides, it discusses possible solutions, technical aspects of structural (water works) and non-structural solutions (institutional, administrative, financial, juridical, etc.), and their implementation on pre, during and post- impacts; It also considers the social subjects involved. Prevalent solutions through waterworks put emphasis mainly on the natural dimension of the problem and are ridden by misunderstandings: disregarding the existing physical-natural environment, they prefer imported taken-as-modern technical parameters. The technical dimension alone does not attend to the complexity of the urban environment resulting and, at the limit, I the increase of socio-environmental vulnerabilities. Moreover, that approach ignores the notion that any solution to the problem is a solution in the urban-metropolitan space, whose social dimension cannot be neglected. Therefore, interventions only on the 'city form' are insufficient. They should also be applicable to the urban social process - what leads to the political dimension, the profile of the public policies that rises from the former, and the necessity of agreement among urban social citizens. Despite advances in speeches and in legislation, which have started to include environmental issues and shown an increasing awareness of the importance of non-structural solutions as a primordial step for lessening "disaster situations", of the flood type in the Greater São Paulo, such as the regulation of urban land use and occupation, propositions are deficient, as yet The problem tends to persist, with some improvement in the management of troubles caused by floods.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-03-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.