• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2016.tde-26012016-134239
Documento
Autor
Nome completo
Igor Sacha Florentino Cruz
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Castellar, Sonia Maria Vanzella (Presidente)
Alves, Gloria da Anunciacao
Martija, Andoni Arenas
Moraes, Jerusa Vilhena de
Tamayo, Alberto León Gutiérrez
Título em português
Da mera memorização à leitura de mundo: a construção da formação cidadã no currículo de Geografia do Ensino Médio
Palavras-chave em português
Cidadania
Currículo
Educação geográfica
Formação cidadã
Resumo em português
O sistema educativo brasileiro está passando por um processo de debate e mudanças tanto em termos de políticas públicas como pedagógicas. Por isso, de forma a contribuir com a discussão, assentamos nossas análises nos conteúdos prescritos encontrados nos currículos estaduais de Geografia para o ensino médio que possuem relação com conhecimentos conceituais fundamentais para uma formação cidadã (Estado, Organização Político-Administrativa, Governo, Democracria e Tripartição do Poder). No Brasil, não há uma disciplina específica voltada para a formação cidadã, semelhante a Espanha. No caso brasileiro, a LDB, Lei nº 9.394, de 1996, estabeleceu como uma das finalidades da educação básica, o preparo do estudante para o exercício pleno da cidadania. Mesmo assim, a própria LDB não instituiu o tipo de cidadão e cidadania que a nação espera que seja formado na educação básica. Para isso, é preciso ensinar, principalmente no ensino médio, idade adequada para se trabalhar com aspectos mais subjetivos do pensamento; a respeito da polis e sobre o funcionamento da dimensão política existente no espaço geográfico. De maneira a averiguar esta relação entre os conceitos de análise, aqui destacados, com os temas, conteúdos e conceitos prescritos nos currículos estaduais de Geografia do ensino médio; realizamos uma análise documental de 25 currículos estaduais, identificando os temas, conteúdos e conceitos que abordam Estado, Organização Político-Administrativa, Governo, Democracia e Tripartição de Poder. O que nos revelou lacunas profundas no ensino de Geografia a cerca da análise da dimensão política do espaço geográfico no ensino médio. Em seguida, após a análise documento, apresentamos uma proposta de Currículo Básico Comum de Geografia para o ensino médio, apenas com orientações geográficas para se trabalhar a dimensão política do espaço geográfico, visando a formação de um cidadão democrático, social, crítico, ativo, participativo e solidário. Por fim, a pesquisa aponta para a necessidade de apropriação por parte da Geografia escolar dos conceitos aqui analisados, objetivando contribuir para uma formação cidadã. Através da formulação de um currículo que estabeleça nacionalmente aquilo que é indispensável para ser trabalhado na educação básica, os conhecimentos poderosos para a compreensão do espaço vivido e sua transformação da realidade.
Título em inglês
For the mere memorizing to the reading of the world: the construction of civic education in high school Geography curriculum
Palavras-chave em inglês
Citzenship
Civic education
Curriculum
Geographic education
Resumo em inglês
The Brazilian educational system is undergoing a process of debate and changes both in terms of public and educational policies. Therefore, in order to contribute to the discussion, we sit in our analyzes prescribed content found in the state curriculum of Geography for high school that are related to fundamental conceptual knowledge for civic education (State, Political and Administrative Organization, Government, Democracry and tripartite division of power). In Brazil, there is no specific discipline dedicated to civic education, like Spain. In Brazil, the LDB, Law nº 9.394, 1996, established itself as one of the purposes of basic education, student preparation for the full exercise of citizenship. Therefore, the very LDB not established the kind of citizen and citizenship that the nation expected to be formed in basic education. For this, we need to teach, especially in high school, right age to work more subjective aspects of thought; about the polis and the functioning of the existing political dimension in geographic space. In order to ascertain the relationship between the analysis of concepts, highlighted here, with the themes prescribed content and concepts in state curricula of high school geography; conducted a document anlysis of 25 state curricula, identifying the topics, content and concepts that address State, Political and Administrative Organization, Government, Democracy and Tripartite Divison of Power. It revealed deep gaps in the teaching of Geography about the analysis of the political dimension of geographic space in high school. Then, after the document analysis, we propose a Common Basic Curriculum of Geography for high school, only with geographic directions to work the political dimension of geographic space, seeking the formation of a democratic citizen, social, critical, active, participatory and supportive. Finally, the research points to the need for ownership by the School of Geography concepts analyzed, aiming to contribute to civic education. By formulating a curriculum that nationally established what is essential to be worked in basic education, the powerful knowledge for understanding the lived space and its transformation of reality.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-01-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.