• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Danilo Rogerio de Sousa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Martin, Andre Roberto (Presidente)
Costa, Wanderley Messias da
Hage, José Alexandre Altahyde
Penha, Eli Alves
Título em português
A contenção da Rússia: geopolítica, estaticídio e astropolítica
Palavras-chave em português
Astropolítica
Contenção
Estaticídio
Geopolítica
Rússia
Resumo em português
A ideia central desta tese é discutir o fenômeno da contenção russa a partir de três frentes dimensionais: a expansão territorial da OTAN, o estaticídio dos aliados russos e a Astropolítica, bem como a pertinência ou não da teoria do Neoeurasianismo nesse processo. A abordagem teórica girou em torno das teorias e conceitos da geopolítica clássica bem como das abordagens realistas das relações internacionais, no intuito de ressaltar a pertinência do fator geográfico no fenômeno em questão. A representação cartográfica, sobretudo em sua vertente temática, fez-se presente por meio de uma série de mapas, boa parte confeccionados pelo autor. No tocante à gama conceitual, foram utilizados sobretudo os conceitos de checkerboard e shatterbelt, de Phil Kelly, bem como o modelo de Robert Jervis. Da mesma forma, a noção de equilíbrio de poder norteou toda a busca deste estudo. Ademais, foram salientadas as críticas de importantes realistas acadêmicos (Henry Kissinger, John Mearsheimer e Stephen Walt) e sublinhou-se, também, a primazia do espaço geográfico na determinação dos fenômenos estudados. Emergiu desta análise um novo conceito, o do Estaticídio, produto direto da relação entre a contenção russa e a formação de checkerboars geopolíticos, bem como o estabelecimento de shatterbelts. A estrutura desta tese está dividida em seis capítulos, a saber: Introdução Metodológica, 1) a Geopolítica como ciência, 2) os problemas territoriais da Rússia, 3) a expansão da OTAN rumo a fronteira russa, 4) o Estaticídio, intervenção e desordem mundial, 5) a Astropolítica e 6) Neoeurasianismo como Ideia Russa. O esforço intelectual deste estudo procurou ressaltar a importância do fenômeno da contenção russa bem como a urgência da retomada da ideia de equilíbrio de poder como moderador do acirramento geopolítico do momento histórico no qual se encontra a política internacional, sempre colocando ênfase na importância da Geografia e da Geopolítica no entendimento dessa questão.
Título em inglês
The Containment of Russia: geopolitics, statecide and astropolitics
Palavras-chave em inglês
Astropolitics
Containment
Geopolitics
Russia
Statecide
Resumo em inglês
The central idea of this thesis is to discuss the phenomenon of Russian containment from three-dimensional fronts: the territorial expansion of NATO, the statecide of Russian allies and Astropolitics, as well as the relevance or not of the theory of Neo-Eurasianism in this process. The theoretical approach revolved around the theories and concepts of classical geopolitics as well as realistic approaches to international relations, in order to highlight the relevance of the geographical factor in the phenomenon in question. The cartographic representation, especially in its thematic aspect, was present through a series of maps, most of them made by the author. Regarding the conceptual range, the concepts of checkerboard and shatterbelt, by Phil Kelly, as well as the Robert Jervis model were used. In the same way, the notion of balance of power guided the entire search for this study. In addition, the critiques of important academic realists (Henry Kissinger, John Mearsheimer and Stephen Walt) were emphasized and the primacy of geographic space in determining the phenomena studied was highlighted. A new concept emerged from this analysis, the Statecide, a direct product of the relationship between Russian containment and the formation of geopolitical checkerboars, as well as the establishment of shatterbelt. The structure of this thesis is divided into six chapters, namely: Methodological Introduction, 1) Geopolitics as a science, 2) Russia's territorial problems, 3) NATO's expansion towards the Russian border, 4) Statecide, intervention and world disorder, 5) Astropolitics and 6) Neo-Eurasianism as a Russian idea. The intellectual effort of this study sought to highlight the importance of the phenomenon of Russian containment as well as the urgency of resuming the idea of balance of power as moderator of the geopolitical escalation of the historical moment in which international politics finds itself, always emphasizing the importance of Geography and Geopolitics in understanding this issue.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-10-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.