• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2016.tde-11042016-142445
Documento
Autor
Nome completo
Gabriel Pugliese Cardoso
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Schwarcz, Lilia Katri Moritz (Presidente)
Biehl, João Guilherme
Safatle, Vladimir Pinheiro
Sztutman, Renato
Villela, Jorge Luiz Mattar
Título em português
História da dietética: esboço de uma crítica antropológica da razão bioascética
Palavras-chave em português
Antropologia
Dietética
Ética
Eugenia
Governamentalidade
Higiene
Resumo em português
Este trabalho tem como pretensão a problematização dos discursos dietéticos da atualidade e do modo que se formulam através deles todo um bioascetismo no qual a saúde é a finalidade última. Dessa forma, partindo do método genealógico de pesquisa histórica o objetivo é compreender como se tornou possível, e por meio de quais estratégias políticas, o vínculo entre determinadas técnicas de si (a alimentação, os exercícios físicos e a estética) e a qualidade de vida como modalidade ético-política. Teve , assim, a pretensão de produzir uma história da dietética que possa ser, ao mesmo tempo, uma crítica do bioascetismo presente. Isso foi feito por meio da análise de como a dietética se tornou uma forma de saber sobre os homens, um dispositivo de governo populacional e uma tecnologia de si mesmo. Nesse sentido, três momentos fundamentais e entrelaçados da história brasileira foram selecionados para dar conta desse problema: o período higiênico, o período eugênico e o nascimento da nova dietética.
Título em inglês
The history of dietetic: outline for an anthropological critique of the reason bio-ascetic
Palavras-chave em inglês
Anthropology
Dietetics
Ethics
Eugenics
Governmentality
Hygiene
Resumo em inglês
This theses aims to bring out some nowadays dietetics discourses, and the way by which a bio-asceticism (raised by those discourses), in which health is the ultimate goal, came out. Thus, from a genealogic research methodology, the main goal of this study was understand how certain self technics (eating, physical exercises, and aesthetics) are related to life quality as ethical and political mode. Then, political strategies were reviewed. Therefore, this study have the propose of making a brief history of dietetics, so that, withal, criticize the bio-asceticism existent in the dietetics history. That was done by the analysis of how dietetics has turned into a way of knowing about man, a sort of human self-control technology, and an apparatus that allow population ruling. In order to do so, three different moments in the Brazilian history were chosen: Hygienic Period, Eugenic Period, and the birth of the new Dietetics.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-04-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.