• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2013.tde-10022014-105143
Documento
Autor
Nome completo
Bruna Nunes da Costa Triana
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Hikiji, Rose Satiko Gitirana (Presidente)
Dawsey, John Cowart
Morettin, Eduardo Victorio
Título em português
Ensaio sobre as cores: ética, mimesis e experiência na trilogia de Krzysztof Kielowski
Palavras-chave em português
Análise fílmica
Antropologia do cinema
Experiência
Krzysztof Kielowski
Narração
Resumo em português
Esta dissertação tem como foco central uma reflexão sobre a interface entre cinema e antropologia. A partir disso, o objeto da nossa reflexão é a obra fílmica Trilogia das Cores, do diretor polonês Krzysztof Kielowski (1941-1996), produzida entre 1992 e 1994, na França, Polônia e Suíça. Esses filmes têm como contexto histórico-político de produção e filmagem a comemoração do bicentenário da Revolução Francesa, a assinatura do tratado que instituía a União Europeia e a derrocada do leste comunista. No entanto, esses fatos e questões apenas tangenciam os longas-metragens, que se preocupam mais em seguir seus protagonistas, seus dramas e suas dúvidas. A partir da metodologia da análise fílmica e da descrição detalhada dos longas-metragens, queremos articular a obra com determinadas discussões antropológicas, como a questão da experiência, da mimesis e da narração em relação ao cinema, bem como com questões éticas, políticas e históricas que perpassam os filmes e, portanto, nossa análise. Em um primeiro momento, buscamos refletir mais propriamente as dimensões temáticas da obra Trilogia das Cores, caracterizando o estilo do diretor e a invenção de uma Europa e de uma ética iluminista no mundo contemporâneo. Em um segundo momento, este trabalho concentra-se em investigar as associações possíveis entre o cinema e os conceitos benjaminianos de experiência, mimesis e narração. Nesse sentido, procuramos, em um nível mais abstrato da discussão teórico-metodológica, aprofundar as interpretações acerca dos filmes nas questões sensoriais e nas formas de envolver e trabalhar a linguagem fílmica com o intuito de provocar e transmitir uma experiência ao/no espectador. Assim, esta dissertação volta seu olhar, sobretudo, para os cruzamentos e as relações entre o pensamento cinematográfico e a análise antropológica, a fim de pensar a mediação do cinema, suas formas e potências, a partir das noções de mimesis e narração.
Título em inglês
Essay on the colors: ethics, mimesis and experience on the Krzysztof Kielowskis trilogy
Palavras-chave em inglês
Anthropology of the cinema
Experience
Filmic analysis
Krzysztof Kielowski
Narration
Resumo em inglês
This dissertation has as central focus a reflection about the interface between cinema and anthropology. From this, the object of our reflection is the filmic work Three Colours, by Polish director Krzysztof Kielowski (1941-1996), produced between 1992 and 1994 in France, Poland and Switzerland. The historical and political context of the production and the filming of these films involve the bicentenary of the French Revolution, the signing of the treaty that established the European Union and the collapse of the communist east. However, these facts and issues only touch the films, which are more concerned about following their protagonists, their dramas and doubts. From the methodology of film analysis and a detailed description of the feature films, we intend to articulate the work with certain anthropological discussions, such as the question of experience, mimesis and narrative in relation to the cinema, as well as the ethical, political and historical questions that pervade the trilogy, and therefore our own analysis. At first, we search to reflect on the thematic dimensions of the work of Three Colours, provind a characterization of the style of the director and the invention of a Europe and of an Enlightenment ethic in the contemporary world. Secondly, we investigate the possible association between the films and the Walter Benjamins concepts of experience, mimesis and narration. Thus, on a more abstract level of theoretical and methodological discussion, we seek to deepen the interpretations of the films on the sensory issues and ways to engage and deal with the film language in order to provoke and transmit an experience into the spectator. So, this dissertation focuses especially on the crossroads and the relationship between the cinematographic thought and anthropological analysis, in order to think about the mediation of cinema, its forms and powers, from the notions of mimesis and narration.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-02-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.