• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.8.2020.tde-20042021-161117
Documento
Autor
Nome completo
Henrique Mendes Gonçalves
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2020
Orientador
Banca examinadora
Cuter, Joao Vergilio Gallerani (Presidente)
Ferraz Neto, Bento Prado de Almeida
Nakano, Anderson Luis
Silva Filho, Marcos Antonio da
Título em português
Cálculo e jogo: metáforas para a linguagem na filosofia de Ludwig Wittgenstein
Palavras-chave em português
Filosofia da linguagem
Gramática
Jogos de linguagem
Linguagem
Lógica
Resumo em português
Este trabalho examina duas analogias frequentemente empregadas por Ludwig Wittgenstein para a descrição da linguagem ao longo de sua obra. São elas: a concepção da linguagem como um cálculo autônomo dotado de regras fixas e determinadas, sustentada pelo filósofo no período intermediário de seu desenvolvimento filosófico, e a noção de jogos de linguagem, extensivamente mobilizada nas Investigações Filosóficas. Além disso, busca-se mostrar quais são os motivos que levaram o autor a caracterizar, retrospectivamente, também sua abordagem lógico-sintática no Tractatus Logico-Philosophicus como parte de uma concepção da linguagem como cálculo. Por fim, mostra-se como a elucidação do que está por trás de cada um desses dois modelos pode auxiliar na compreensão das transformações ocorridas ao longo do chamado período intermediário.
Título em inglês
Calculus and game: metaphors for language in the philosophy of Ludwig Wittgenstein
Palavras-chave em inglês
Grammar
Language
Language games
Logic
Philosophy of language
Resumo em inglês
This study examines two analogies that are frequently employed by Ludwig Wittgenstein in order to describe language throughout his work. Namely: the conception of language as an autonomous calculus with fixed and determinate rules, held by the philosopher during the intermediate period of his philosophical development, and the notion of language games, extensively used in the Philosophical Investigations. Furthermore, I try to show what were the reasons that made the author characterize, retrospectively, also his logico-syntactical account in the Tractatus Logico-Philosophicus as part of the conception of language as a calculus. Finally, I show how the elucidation of what lies behind each one of these two models may help in understanding the transformations that took place throughout the intermediate period.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-04-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.