• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2012.tde-14032013-101321
Documento
Autor
Nome completo
Fabio Luis Ferreira Nobrega Franco
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Safatle, Vladimir Pinheiro (Presidente)
Bianco, Giuseppe
Chaui, Marilena de Souza
Título em português
A natureza das normas: o vital e o social na filosofia de Georges Canguilhem
Palavras-chave em português
Canguilhem
Ciências da vida
Normatividade
Teoria social
Vida
Resumo em português
A presente pesquisa pretende sustentar que a reflexão precoce sobre a sociologia durkheimeana cumpre um papel fundamental no desenvolvimento do pensamento de Georges Canguilhem sobre as ciências da vida e, por conseguinte, na elaboração da sua filosofia biológica. Como se buscará mostrar, essa importância se deve ao fato de que a teoria social de Durkheim procurou satisfazer às exigências científicas de objetividade e de quantificação dos fenômenos incorporando da biologia de Comte e da fisiologia de Claude Bernard a teoria da identidade essencial entre os estados normais e patológicos. Será a partir da crítica a essa teoria que o conceito de normatividade vital, núcleo da filosofia da vida canguilhemeana, se elaborará na tese de doutoramento de Canguilhem, em 1943, Essai sur quelques problèmes concernant le normal et le pathologique. Finalmente, concluiremos sugerindo que essa nova concepção de vida permitirá ao filósofo retornar ao campo da teoria social, nas Nouvelles réflexions, para recusar a identificação entre organismo e sociedade que ele denunciara em Durkheim.
Título em inglês
The nature of norms: the vital and the social in Georges Canguilhems philosophy
Palavras-chave em inglês
Canguilhem
Life
Life sciences
Normativity
Social theory
Resumo em inglês
The present research intends to sustain that the early reflection on Durkheims sociology plays an important role in the evolution of George Canguilhems thought about the life sciences, and, consequently, in the development of his biological philosophy. As this research purports to show, this importance arises from the fact that Durkheims social theory attempted to satisfy the scientific demands for the objectivity and quantification of the phenomena by incorporating, from Comtes biology and Claude Bernards physiology, a theory about the essential identity between normal and pathological states. It is by taking the critique of this theory as a starting point, that the core of Canguilhems life philosophy, namely, his concept of vital normativity, will be developed in his 1943 doctorate thesis, Essai sur quelques problèmes concernant le normal et le pathologique. Finally, by way of conclusion, we suggest that this new conception of life will allow the French philosopher to return, in his Nouvelles réflexions, to the social theory field, in order to deny the same identification between organisms and society that he denounced in Durkheim.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-03-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.