• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2013.tde-12092013-112910
Documento
Autor
Nome completo
Raquel Albieri Krempel
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Cuter, Joao Vergilio Gallerani (Presidente)
Bolzani Filho, Roberto
Carvalho, Marcelo Silva de
Título em português
Sobre o problema do mundo exterior em Wittgenstein
Palavras-chave em português
Ceticismo
Conhecimento
Moore
Mundo exterior
Wittgenstein
Resumo em português
A presente dissertação visa avaliar o tratamento que Ludwig Wittgenstein oferece ao tradicional problema cético da existência do mundo exterior. É sobretudo em Sobre a Certeza que encontramos reflexões relevantes sobre o tema, como discussões sobre o sentido da dúvida cética e de alegações de conhecimento. Wittgenstein basicamente rejeita o problema. Contra o ceticismo, Wittgenstein defende que nossas certezas básicas estão fora do âmbito da dúvida e funcionam como condição de possibilidade de qualquer jogo de linguagem (inclusive o da própria dúvida). Contra Moore e a tradição filosófica em geral, denuncia a ausência de sentido não só da própria apresentação de uma resposta ao falso problema do mundo exterior, como da vinculação de nossas certezas básicas a um vocabulário epistêmico. Meu objetivo é o de apontar problemas às críticas de Wittgenstein. Começarei apresentando uma versão forte do ceticismo sobre o mundo exterior, para então mostrar que suas críticas só funcionam contra um ceticismo fraco, que não está em questão. Quanto aos seus ataques contra Moore, defendo que eles só funcionam pagando o preço caro de inconsistência com suas concepções metafilosóficas. A conclusão a que pretendo chegar é a de que o problema do mundo exterior permanece vivo, apesar da tentativa de Wittgenstein de desqualificá-lo.
Título em inglês
Wittgenstein on the problem of the external world
Palavras-chave em inglês
External world
Knowledge
Moore
Skepticism
Wittgenstein
Resumo em inglês
This thesis aims to evaluate Ludwig Wittgensteins treatment of the traditional skeptical problem of the existence of the external world. It is especially in On Certainty where we find relevant thoughts on the topic, such as discussions about the meaning of skeptical doubt and about knowledge claims. Wittgenstein essentially rejects the problem. Against skepticism, Wittgenstein maintains that our basic certainties are outside the scope of doubt and are also a condition for the possibility of any language game (including that of doubt). Against Moore and the philosophical tradition in general, he intends to show not only that it is meaningless to give a response to the false problem of the external world, but also to associate our basic certainties with an epistemic vocabulary. My goal is to point out problems in Wittgensteins criticisms. I first present a strong version of skepticism about the external world, and then show that his criticisms only work against a weaker version of skepticism. As for his attacks against Moore, I argue that they only work at the high cost of inconsistency with his own metaphilosophical views. The conclusion that I want to reach is that the problem of the external world remains alive, despite Wittgensteins attempts to reject it.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-09-12
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.