• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
https://doi.org/10.11606/D.8.2020.tde-14072020-212815
Documento
Autor
Nombre completo
Gustavo Barroso do Rego
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2019
Director
Tribunal
Musse, Ricardo (Presidente)
Andrade, Joana El-Jaick
Arcary, Valerio
Robaina, Carlos Roberto de Souza
Título en portugués
Ascensão e queda do reformismo: do Partido Socialdemocrata Alemão ao Partido Trabalhista britânico
Palabras clave en portugués
Marxismo
Partido Socialdemocrata Alemão
Partido Trabalhista
Pós-reformismo
Reformismo
Resumen en portugués
Este trabalho discorre sobre a origem e o declínio da vertente política e teórica do socialismo conhecida como reformismo: uma estratégia política socialista que visa conquistar, a partir do desenvolvimento do próprio capitalismo, melhorias progressivas para a classe trabalhadora que se acumulam em direção ao socialismo, recusando a transformação revolucionária, por saltos, e todo tipo de ação violenta. Esta elaboração parte do diagnóstico do capitalismo como sistema estável, passível de ser flexionado pela classe trabalhadora e cujo desenvolvimento tende à socialização. Por conseguinte, a sociedade socialista é vista não como meta, mas como um horizonte distante, cabendo prioridade das ações à realização das "pequenas tarefas" do momento presente. Além disso, concebe a democracia (compreendida no sentido liberal, isto é, como governo e parlamento representativo eleitos por sufrágio livre e universal) não só como meio mas como princípio. Por fim, suas principais vias de ação são a disputa pelo Estado por meio de eleições e obtenção de conquistas salariais pela ação dos sindicatos. Na primeira parte, define-se o conceito de reformismo por meio da reconstituição histórica de seu surgimento no âmbito do Partido Socialdemocrata Alemão, numa trajetória que se estende desde a sua fundação até o ano de 1933 e da análise de dois dos seus principais teóricos, Eduard Bernstein e Rudolf Hilferding. Na segunda parte, analisa-se de que modo, no âmbito do Partido Trabalhista do Reino Unido, entre as décadas de 1970 e 1990, em função do declínio da democracia e da organização dos trabalhadores ocasionadas pela ascensão do neoliberalismo, os elementos constitutivos do reformismo foram eliminados dando origem ao "pós-reformismo". Para tanto, analisam-se também os escritos a este respeito de Tony Blair e Anthony Giddens. Por fim, procede-se à comparação entre esses dois momentos.
Título en inglés
Rise and fall of reformism: from German Social Democratic Party to British Labour Party
Palabras clave en inglés
German Social Democratic Party
Labour Party
Marxism
Post-reformism
Reformism
Resumen en inglés
The present work discusses the rise and fall of the political and theoretical side of socialism known as reformism: a political strategy that aims to achieve progressive improvements for the working class from the capitalist order, keeping socialism as a ultimate goal, but refusing any form of violent and sudden disruption as well as prioritizing the accomplishment of the "small tasks" of the present moment, having as main action the dispute of the State through the elections and labor conquests for the representation of the unions. The first part defines the concept of reformism through the historical reconstruction of its emergence within the German Social Democratic Party from its foundation until 1933 and the analysis of two of its leading theorists, Eduard Bernstein and Rudolf Hilferding. In the second part, we analyze how, within the context of the UK Labor Party, between the 1970s and 1990s, due to the decline of democracy and worker's organizations caused by the rise of neoliberalism, the constitutive elements of reformism were eliminated giving rise to "post-reformism". To this end, we also analyze the writings on this subject by Tony Blair and Anthony Giddens. Finally, we compare these two moments.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2020-07-14
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2022. Todos los derechos reservados.