• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.7.2013.tde-07012014-165816
Documento
Autor
Nome completo
Neuri Pires das Merces
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Vargas, Divane de (Presidente)
Carvalho, Ana Maria Pimenta
Colvero, Luciana de Almeida
Oliveira, Marcia Aparecida Ferreira de
Título em português
Atitudes de estudantes de psicologia acerca do álcool, do alcoolismo e do alcoolista
Palavras-chave em português
Abuso de álcool
Alcoolista
Atitudes Profissionais
Ensino superior
Psicologia
Resumo em português
Introdução: O estudo da atitude dos profissionais de saúde frente ao álcool, ao alcoolismo e ao alcoolista ainda é escasso na literatura brasileira, e, em relação às atitudes dos psicólogos e estudantes de psicologia, não estão disponíveis na literatura nacional estudos que tenham se ocupado desse fenômeno. Após os movimentos sanitaristas da reforma psiquiátrica no Brasil, no final da década de 1980, houve aumento significativo desses profissionais em vários serviços de saúde, inclusive naqueles destinados ao atendimento de pessoas com problemas relacionados ao álcool e ao alcoolismo. O que torna importante identificar questões relacionadas ao preparo e às atitudes dos futuros profissionais de psicologia frente ao álcool, ao alcoolismo e ao alcoolista. Objetivo: Verificar e analisar as atitudes dos estudantes de psicologia frente ao álcool, ao alcoolismo e ao alcoolista. Método: Estudo exploratório de abordagem psicométrica, realizado com uma amostra de 159 estudantes do último ano do curso de psicologia de três faculdades da cidade de São Paulo. Para coleta de dados utilizou-se a Escala de Atitudes Frente ao Álcool, ao Alcoolismo e ao Alcoolista (EAFAAA) e um questionário sociodemográfico. Para análise dos dados utilizaram-se testes da estatística descritiva (frequências simples, porcentagens e médias) e para verificar se existia diferenças de atitude entre os três grupos realizou-se uma análise de variância. Resultados: Observou-se que, de modo geral, os 159 estudantes apresentaram tendência de atitudes positivas frente ao álcool, ao alcoolismo e ao alcoolista. Os estudantes das três faculdades apresentaram atitudes positivas para os fatores 1 (o trabalhar e o se relacionar com o alcoolista) e 2 (as atitudes frente ao alcoolista). Houve diferença estatística significativa (p=0,005) para os fatores 3 (atitudes frente ao alcoolismo, etiologia) e 4 (as atitudes frente ao uso do álcool) e na escala total para a Faculdade A em relação às faculdades B e C. A verificação de confiabilidade da EAFAAA estimada pelo alfa de Cronbach indicou boa consistência interna (0,90). Conclusão: Os estudantes de psicologia apresentaram tendência a atitudes positivas, segundo os resultados da EAFAAAA. Os estudantes da faculdade que tiveram experiência ou contato com o alcoolista apresentaram atitudes mais positivas do que aqueles que só tiveram preparo em sala de aula. Assim a necessidade de rever a grade curricular e a inserção de estudantes de psicologia, desde a graduação, em serviços de atenção especializados ao usuário de álcool é de extrema relevância social.
Título em inglês
Psychology students' attitudes about alcohol, alcoholism and alcoholics.
Palavras-chave em inglês
Alcohol abuse
Alcoholics
Higher education
Professional attitudes
Psychology.
Resumo em inglês
Introduction: The study of the attitudes of health professionals towards alcohol, alcoholism and the alcoholic is still scarce in Brazilian literature, and the attitudes of psychologists and psychology students, are not available in the national studies that have been busy this phenomenon. After the movements sanitary psychiatric reform in Brazil in the late 1980s, a significant increase of these professionals in various health services, including those intended to care for people with alcohol problems and alcoholism. What makes it important to identify issues related to the preparation and attitudes of future professionals in psychology towards alcohol, alcoholism and alcoholics. Aim: To investigate and analyze the attitudes of psychology students towards alcohol, alcoholism and alcoholics. Method: An exploratory study of psychometric approach, conducted with a sample of 159 students of the final year psychology three colleges of the city of São Paulo. For data collection we used the Scale of Attitudes Towards Alcohol, Alcoholism and alcoholics (EAFAAA), and a demographic questionnaire. Data analysis tests were used descriptive statistics (simple frequencies, percentages and means) and to check whether attitudinal differences existed among the three groups performed an analysis of variance. Results: It was observed that, in general, the 159 students showed a trend of positive attitudes towards alcohol, alcoholism and alcoholics. Students from the three schools showed positive attitudes to factors 1 (the work and relate to the alcoholic) and 2 (attitudes towards alcoholic). There was a statistically significant difference (p = 0.005) for the three factors (attitudes toward alcoholism, etiology) and 4 (attitudes towards alcohol use) and full scale for the College in relation to colleges B and C. A reliability check of EAFAAA estimated by Cronbach's alpha indicated good internal consistency (0.90). Conclusion: The psychology students tended to have positive attitudes, according to the results of EAFAAAA. College students who have had experience or contact with alcoholics showed more positive attitudes than those who had only preparation in the classroom. Thus the need to revise the curriculum and the inclusion of psychology students, since graduating in specialized care services to the user of alcohol is of utmost social relevance
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-01-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.