• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.7.2016.tde-31082016-160804
Documento
Autor
Nome completo
Jeane Roza Quintans
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Melleiro, Marta Maria (Presidente)
Gutierrez, Beatriz Aparecida Ozello
Lara, Enilda Maria de Sousa
Tronchin, Daisy Maria Rizatto
Título em português
Percepção de idosos atendidos em uma unidade de estratégia saúde da família: abordagem etnográfica
Palavras-chave em português
Envelhecimento. Atenção primária à saúde. Assistência integral à saúde. Acesso aos serviços de saúde. Avaliação de serviços de saúde. Resiliência psic
Resumo em português
Introdução: A atual mudança do perfil etário da população brasileira tem afetado a dinâmica dos sistemas de saúde, sociais, econômicos e políticos existentes, indicando a necessidade da articulação entre esses setores e o fortalecimento de políticas que proporcionem situação de independência aos idosos. Assim, a atenção primária vem sendo considerada uma importante estratégia, devendo apresentar acessibilidade e adaptação às necessidades dos idosos. Objetivos: Compreender a percepção de idosos atendidos em uma Unidade de Estratégia de Saúde da Família, do Município de São Paulo, acerca do processo de envelhecimento e conhecer as necessidades de saúde autorreferidas por esse grupo social. Percurso metodológico: Estudo qualitativo de abordagem etnográfica, cujo cenário cultural foi uma Unidade de Estratégia de Saúde da Família (ESF). Os participantes foram dez idosos atendidos na referida ESF. Os dados foram coletados por meio de entrevistas e da observação participante, no período de junho de 2015 a janeiro de 2016. Os achados foram apresentados na forma de narrativa e analisados segundo Minayo e à luz do referencial teórico da Resiliência e do Envelhecimento Ativo. Resultados: Das narrativas emergiram cinco categorias culturais, a saber: a percepção do envelhecimento e da velhice; a violência ao idoso; o ostracismo social; o acesso aos serviços de saúde e social: fatores dificultadores; a avaliação da ESF. A percepção do envelhecimento esteve associada à diminuição da capacidade funcional e às limitações físicas e cognitivas. Esse processo remeteu aos idosos a consciência da finitude e do luto antecipado, que afetou a perspectiva de vida desestimulando a realização de ações que proporcionassem bem-estar. Os discursos apresentaram, ainda, a problemática da violência por meio de abuso financeiro e abandono de familiares e dos setores formais, favorecendo o sentimento de solidão e de improdutividade. Esses componentes destacaram os fatores de riscos que interferiram no processo de resiliência, como a falta de acesso aos recursos necessários para o suprimento das necessidades sociais e de saúde, impossibilitando a continuidade de cuidado e a piora do quadro clínico. Considerações finais: O estudo permitiu identificar a percepção e as necessidades sociais e de saúde dos idosos. A falta de acesso aos serviços afetou a dinâmica social e familiar, a saúde e o bem-estar dos participantes. Assim, os serviços de atenção aos idosos precisam atuar diretamente sobre os determinantes que favorecem o Envelhecimento Ativo, por meio de ações que potencializem o bem-estar físico, social e mental ao longo de toda a vida.
Título em inglês
Elderly percepton assisted in a Family Health Strategy Unit: ethnographic approach
Palavras-chave em inglês
Aging. Primary health care. Comprehensive health care. Health services accessibility. Health services evaluation. Resilience
psychological.
Resumo em inglês
Introduction: The change of population age profile in Brazil influences the dynamics of existing systems such as health, social, economic and political, suggesting the need for articulation between services and strengthening of policies that provide independence of the elderly. The primary health care is an important resource and must present accessibility and adaptation to the elder`s needs. Objective: Understanding the perception of aging process, of elderly treated in Family Health Strategy Service of São Paulo city and to know the health needs self-reported by this social group. Methods: Qualitative study using an ethnographic approach, focusing on the cultural scenario of the Family Health Strategy Unit (FHS). The participants in this study were ten elders treated in FHS. The data collection were done from June 2015 to January 2016. Was taken from narratives and analyzed according to Minayo, resilience theory and Active Aging. Findings: The following five cultural categories emerged from the narratives: perception about aging and oldness; the health and social services accessibility: difficulty factors; the elder abuse; the social ostracism; health and social services accessibility; FHS assessment. The perception of aging was associated with decreased functional capacity and physical and cognitive limitations. This process referred the elderly to awareness of finitude and anticipated mourning, which affected the prospect of life discouraging the realization of actions that provided welfare. The narrative presented the problem of violence through financial abuse, family neglect and formal sectors, favoring the feeling of abandonment, of loneliness and lack of productivity. These components highlighted the risk factors that interfere with the resilience process, such as lack of accessibility to the resources needed for the supply of social and health needs, preventing the continuity of care and the worsening of clinical symptoms. Final considerations: This study provided the perception, the social and health needs of the elderly. Lack of accessibility to services affected the social and family dynamics, health and welfare of participants. Care services for the elderly needs to act directly on the determinants that promote Active Aging, through actions that enhance the physical, social and mental well-being throughout life.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-11-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.